Futebol/Brasileiro Série A

Larghi culpa arbitragem por derrota na estreia do Brasileiro

São Paulo , SP
15/04/2018 19:38:37

Em: Atlético-MG, Bastidores, Brasileiro Série A, Futebol

O Atlético-MG não estreou bem no Campeonato Brasileiro. Na tarde deste domingo, o time perdeu para o Vasco por 2 a 1, mas o lance que roubou a cena do jogo foi o pênalti polêmico sofrido por Rildo, e convertido por Yago Pikachu. O técnico Thiago Larghi criticou duramente a arbitragem depois da partida:

“Uma derrota em que o time se aplicou bem a partida toda, e veio num erro claro da arbitragem. Era um contra-ataque nosso, temos a responsabilidade de ter perdido a bola, não era para ter acontecido. O jogador deles se joga, não houve toque, e eles fizeram o gol num pênalti que não existiu”, afirmou o treinador.

Larghi não aprovou arbitragem e criticou Rildo (Foto: Bruno Cantini/Atlético)

Ainda na entrevista coletiva, Larghi fez questão de relembrar a fama de Rildo como jogador que cava pênaltis: “Espero que a comissão de arbitragem veja isso. É o tipo de lance que não pode acontecer. Fica muito claro, o jogador tem até um histórico de cavar pênalti, de cai-cai. Já houve um efeito suspensivo para ele poder jogar, e ele ainda simula um pênalti”, disse o técnico.

Por fim, o comandante do Galo creditou ainda mais a culpa para o árbitro por não ter conseguido somar pontos no Rio de Janeiro: “A gente deixa de somar ponto. Pelo menos era um ponto que estávamos somando aqui, tivemos chances claras de fazer o segundo, ficou muito claro. Perder como perdemos, com um pênalti que não existiu, a gente lamenta por isso. Podíamos ter levado um ponto para casa”, finalizou Larghi.

O Atlético volta aos gramados na próxima quarta-feira contra o Ferroviário-CE, fora de casa. Já pelo Brasileiro, o time pega o Vitória, no Estádio Independência, em Belo Horizonte.