Gazeta Esportiva

Torres faz dois em despedida, mas Atlético apenas empata com Eibar

São Paulo, SP

20/05/18 | 15:22 - 20/05/18 | 15:32

Neste domingo, às 13h30 (de Brasília), Fernando Torres vestiu pela última vez a camisa do Atlético de Madrid, time onde jogou na maior parte de sua carreira. Em duelo válido pela última rodada do Campeonato Espanhol, o jogador, que atuou com a braçadeira de capitão, fez os dois gols do empate diante do Eibar, no Wanda Metropolitano, que terminou em 2 a 2.

Garantido na vice-colocação da competição, já que o Real Madrid havia tropeçado diante do Villarreal no sábado, os comandados de Diego Simeone estavam embalados pela conquista da Liga Europa na última quarta-feira, mas começaram perdendo, com gol de Kike García aos 34 minutos da primeira etapa. Os colchoneros buscavam a todo momento Fernando Torres para que o atacante deixasse um tento em sua última partida. E foi o que aconteceu: aos 42 minutos, o camisa 9 deixou tudo igual, se tornando o quinto maior artilheiro do time.

Na volta para a segunda etapa, Simeone colocou Griezmann e Diego Costa para tentar mais ofensividade. E deu certo: com 15 minutos, Torres fez o gol da virada. Alguns minutos depois e com um a mais, o Eibar deixou tudo igual com Peña, em um golaço de fora da área.

No Eibar, Dani García e Capa também se despediram, depois de muito tempo defendendo o escudo da equipe. Também vale lembrar que esta pode ter sido a última partida de Griezmann, que é cotado em outros times europeus, como o Barcelona.


O jogo

A partida iniciou com mais ofensividade dos donos da casa, como era esperado. Aos 10 minutos, boa chance para Fernando Torres abrir o placar, chutando rasteiro na saída do goleiro, mas a bola passou rente à trave. Aos 18 minutos, Orellana tentou para os visitantes, mas a bola foi para fora. Pouco tempo depois, em cobrança de falta, os colchoneros responderam, com a bola quase beijando a trave.

A partida seguiu equilibrada, com uma oportunidade para o Eibar, de cabeça, mas sem grandes perigos para o gol de Oblak. A todo momento, os jogadores do Atlético de Madrid buscaram Fernando Torres para que ele marcasse um gol na partida, porém, aos 34, então, foi o Eibar quem abriu o placar em jogada estranha pela esquerda com Kike Garcia.

A resposta veio com gol dele, Fernando Torres, aos 42 minutos minutos. Após jogada pelo meio, Correa seguiu pela esquerda e cruzou rasteiro para o camisa 9 deixar tudo igual no Wanda Metropolitano. 1 a 1.

Logo no início da segunda etapa, Griezmann e Diego Costa fizeram companhia para Fernando Torres no ataque. Aos 15 minutos, a entrada de Costa deu frutos ao dar assistência para Torres virar a partida. Sem muito tempo para comemorar e com a menos, após um cartão vermelho para Lucas Hernández, o Eibar empatou com Peña em um golaço de fora da área.

Depois do gol de empate, o Eibar foi para cima na tentativa de vencer o Atlético de Madrid, e construiu boas oportunidades, mas contou com a falta de pontaria.

Após o fim da partida, todos os torcedores cantaram pelo adeus de Fernando Torres, quinto maior artilheiro da história do Atlético de Madrid. Jogadores e comissão técnica fizeram uma fila, onde recepcionaram Torres, que assistiu a um vídeo com toda a retrospectiva de sua carreira, desde muito garoto.

Deixe seu comentário