Athletico-PR se manifesta sobre caso de racismo em jogo contra o São Paulo; veja pronunciamento

São Paulo, SP

01/08/22 | 10:49

O Athletico-PR se manifestou na manhã desta segunda-feira sobre o suposto caso de racismo ocorrido neste domingo, no jogo contra o São Paulo. O Tricolor Paulista alegou que um funcionário e torcedores do clube foram vítimas da agressão na Arena da Baixada, em Cuitiba.

Em nota, o Furacão repudiou o ato e prometeu adotar medidas para identificar os agressores. O time paranaense ainda se comprometeu a fornecer imagens do estádio para a apuração do ocorrido.

No domingo, o São Paulo informou que o funcionário já havia registrado Boletim de Ocorrência e recebeu o suporte necessário. O suposto ataque teria acontecido logo após o goleiro Felipe Alves ter defendido o pênalti cobrado por Thiago Heleno, no início do segundo tempo.

Em campo, o Athletico venceu por 1 a 0, com gol de Vitor Bueno, e subiu para a quarta colocação do Campeonato Brasileiro. Já o Tricolor ficou estacionado em 10º lugar, com 26 pontos.

Confira abaixo o comunicado divulgado pelo Athletico-PR:

"O CAP tomou conhecimento sobre as acusações de racismo na partida diante do São Paulo. O clube já está adotando medidas para identificar o que foi objeto de acusação e compromete-se a fornecer as imagens que tem do estádio para apuração do ocorrido pelas autoridades competentes.

O Athletico Paranaense novamente vem manifestar publicamente que repudia veementemente quaisquer atos de racismo e reitera que não tolera e nunca tolerará comportamentos racistas dentro da instituição".


Deixe seu comentário