Garay, Gattaz e Zé Roberto analisam vitória do vôlei feminino na estreia em Tóquio

São Paulo, SP

25-07-2021 12:44:46

Após vitória na estreia dos Jogos Olímpicos, o time feminino de vôlei falou sobre a atuação diante da Coreia do Sul. As brasileiras venceram o confronto por 3 sets a 0.

“Conseguimos controlar bem esses sentimentos de estreia, esse nervosismo, ansiedade. Sensação de objetivo concluído para o dia de hoje, um primeiro passo importante. Mas nosso caminho só está começando”, disse a experiente ponteira Fernanda Garay.

A central Carol Gattaz também analisou a partida e a sua primeira participação nas Olimpíadas: “Uma honra muito grande estar aqui, a minha estreia em Jogos Olímpicos. Ansiedade bateu forte, mas eu e todo o grupo estávamos preparadas e concentradas. O 3 a 0 foi melhor do que a gente esperava.”


O técnico José Roberto Guimarães afirmou que estava tenso antes da estreia – ele já havia comentado sobre a dificuldade em enfrentar a Coreia do Sul.

“A gente sabia pouco do time da Coreia. Jogamos contra uma Coreia diferente na VNL. Sabíamos que entrariam novas jogadoras, então estudamos dos nossos arquivos. E isso foi muito bom. O técnico da Coreia trabalhou com algumas das nossas jogadoras. Olimpíada é sempre complicada, descuidou um pouco pode acontecer de tudo.”

“Deu tudo certo e vamos pensar no próximo adversário. Acho que fizemos um primeiro set brilhante, caímos um pouco no segundo. E no terceiro as entradas da Roberta e da Rosamaria mudaram as características do time e isso foi importante. Vamos precisar muito da ajuda das jogadoras do banco”, completou o treinador.

Em busca do segundo triunfo, a seleção feminina de vôlei enfrenta a República Dominicana na terça-feira, às 7h40 (de Brasília). Japão, Sérvia e Quênia são as outras equipes que compõem o Grupo A dos Jogos Olímpicos de Tóquio.

Deixe seu comentário