Alison dos Santos se classifica para a final dos 400m com barreiras

São Paulo, SP

01-08-2021 09:36:13

Neste domingo, Alison dos Santos se garantiu na final dos 400m com barreiras nos Jogos de Tóquio. O brasileiro se classificou em primeiro da sua bateria das semifinais, com a marca de 47s31, recorde sul-americano nas Olimpíadas.

O corredor comemorou o feito, mas afirmou que busca melhorá-lo.

“Fiz uma boa corrida, tanto é que quebrei o recorde sul-americano. Não achei que o ritmo da prova estava tão bom e quero cada vez mais ir melhorando o meu resultado”, comentou.

“Estamos muito confiantes para esta competição, treinamos bastante e estamos bem condicionados, isso dá muito confiança”, disse ao Sportv.


“Achei que não estava fazendo uma prova tão boa até a última barreira, então resolvi não fazer uma prova totalmente forte e virar bem forte. Quando passei ali, me arrependi um pouco, dava pra ter feito forte esse tiro e correr um bom resultado. Estamos felizes de estar classificados pra final e contente, estávamos planejando isso, sonhando com isso e agora se tornou realidade”, completou.

Na classificação geral, apenas Karsten Warholm, da Noruega, foi mais rápido que Alison (47s30).

Na fase anterior, o brasileiro conseguiu o segundo melhor tempo da bateria 1 e do geral, com a marca de 48s42. O único que superou o Alison nas preliminares foi Abderrahman Samba, do Catar, com 48s38, que perdeu para o brasileiro nas semifinais.

A final da modalidade ocorre nesta terça-feira, às 0h20 (de Brasília).

Alison opinou sobre quem são os favoritos para conquistar as medalhas da prova.

“Lógico que o Karsten Warholm e o Benjamin (Estados Unidos) são favoritos ao ouro, só que são oito chances e oito atletas que vão se classificar para final, esses oito estão brigando por três medalhas e três vão levar elas pra casa”, disse.


Confira os classificados para a final dos 400m com barreiras:

Alison dos Santos (Brasil)
Abderrahman Samba (Catar)
Karsten Warholm (Noruega)
Rai Benjamin (Estados Unidos)
Kyron McMaster (Ilhas Virgens Britânicas)
Rasmus Mägi (Estônia)
Alessandro Sibilio (Itália)
Yasmani Copello (Turquia)

 

Deixe seu comentário