Gazeta Esportiva |

Em sua última participação olímpica, Marílson acredita em prova difícil

Em Atletismo, Mais Esportes, Olimpíadas 2016
Publicado em 20/08/2016 16:27:58 Compartilhe
São Paulo , SP
Marílson disputará sua última maratona olímpica (Foto: Wagner Carmo/CBAt)
Marílson disputará sua última maratona olímpica (Foto: Wagner Carmo/CBAt)

Marílson Gomes dos Santos, um dos principais maratonistas do Brasil nos últimos anos, partcipará pela última vez dos Jogos Olímpicos, no Rio 2016. Neste domingo, a partir das 9h30 (de Brasília), ele disputará, aos 39 anos, a terceira Olimpíada de sua carreira.

O atleta chega ao Rio tendo feito o melhor tempo entre os brasileiros classificados. Em Hamburgo, ainda em abril de 2015, ele completou o trajeto em duas horas e 11 minutos. Além dele, Solonei da Silva e Paulo Roberto de Paula também participarão da busca por medalha nos Jogos.

Ainda em 2015, após conseguir o índice, Marílson teve uma lesão que o tirou do restante da temporada. Ele retornou no evento-teste do atletismo, em abril deste ano.

“A lesão me preocupou muito. Mas eu tive o tempo e o cuidado necessários para voltar. Hoje não sinto mais nada. Quero correr bem no Rio. Vai ser uma prova difícil, vou me esforçar ao máximo”, explicou Gomes, que foi o quinto melhor na maratona de Londres 2012.

O técnico de Marílson, Adauto Domingues, falou sobre a expectativa para a prova e se mostrou preocupado com a possibilidade de o calor aparecer no domingo carioca. “Para esse tipo de situação, temos que ter cuidado. É preciso segurar um pouquinho o ritmo no começo, senão não chega”, alertou.

Aos 39 anos, Gomes tem em seu currículo, além do quinto lugar em Londres 2012, o bicampeonato da tradicional Maratona de Nova Iorque, além do ouro nos 10km, no Pan de Guadalajara, em 2011.

Comente