Mais esportes/Fórmula 1

Hamilton divide mérito com a equipe e afirma: “Estamos fazendo história”

São Paulo , SP
23/06/2019 13:06:42

Em: Fórmula 1, Mais Esportes, Motor

Hamilton se isolou na liderança do Mundial de Pilotos da temporada de 2019 depois de conquistar o GP da França neste domingo. Com o primeiro lugar, o inglês foi a 187 pontos na classificação geral, 36 a mais do que o segundo colocado, seu companheiro de equipe Valtteri Bottas.

Na entrevista concedida após o fim da corrida, Hamilton fez questão de exaltar a Mercedes, além de destacar que está em plena forma, mesmo com tantos anos de Fórmula 1.

“Eu corro há muito tempo e nunca me canso. Não conseguiria fazer o que faço se não fosse por essa equipe incrível. Estamos fazendo história juntos. Estou muito empolgado”, afirmou o inglês.

Valtteri Bottas, que ficou na segunda colocação, revelou que a estratégia era tentar ultrapassar Hamilton na largada, porém seu companheiro de equipe foi melhor desde o início. Mesmo assim, o finlandês afirmou que o inglês não é invencível.

“Minha aposta era fazer um bom começo, mas Lewis fez um ótimo início também. Ele foi mais rápido hoje. Hamilton foi muito forte e consistente. Apesar disso, ele não é imbatível, só preciso trabalhar duro”, disse o finlandês.

Já Charles Leclerc não conseguiu ultrapassar Bottas, apesar de ter se aproximado do piloto da Mercedes na reta final da prova. O monegasco acredita que poderia ter chegado à segunda posição caso tivesse mais tempo.

“Eu dei o meu máximo. Estava tranquilo com meu carro, mas a Marcedes foi muito rápida desde o começo. Nós fizemos um ótimo trabalho de pneus e estava quase alcançando Valterri para conseguir a segunda colocação, mas não tive voltas suficientes para isso”, analisou o piloto da Ferrari.