Com Massa fora, Hamilton lidera segundo treino em Spa-Francorchamps

São Paulo, SP

25/08/17 | 10:31 - 25/08/17 | 10:50

Hamilton liderou o último treino desta sexta (Foto: LOIC VENANCE/AFP)

A sexta-feira não foi muito animadora para o brasileiro Felipe Massa. O piloto da Williams bateu seu carro logo na primeira volta do primeiro treino classificatório para o GP da Bélgica de Fórmula 1 e ficou fora da segunda sessão. O britânico Lewis Hamilton, da Mercedes, foi o piloto mais veloz do treino livre.

Após três semanas de pausa, a Fórmula 1 voltou e a briga pela liderança do Mundial de Pilotos mostrou que será ainda mais acirrada. Atual vice-líder, o britânico Lewis Hamilton se credenciou como favorito para a pole position na pista de Spa-Francorchamps. Na segunda sessão desta sexta, Hamilton foi superior desde o início e foi o mais rápido calçando os dois jogos de pneus (macios e ultra-macios), anotando 1min44s753 como melhor tempo.


Único a correr na casa de 1min44s, Hamilton já venceu a prova belga em duas oportunidades. Em 2010, o britânico conquistou a vitória quando ainda defendia a McLaren, e em 2015, pela Mercedes. Atual primeiro colocado do Mundial, Sebastian Vettel também possui dois títulos de Spa-Francorchamps: 2011 e 2013.

Líder do primeiro treino livre, o finlandês Kimi Raikkonen voltou a ter boa performance e ficou com a segunda colocação na sessão liderada por Hamilton. O piloto da Ferrari bateu 1min45s015 e mostrou que pode surpreender no classificatório.

Companheiro de Hamilton, Valtteri Bottas foi o terceiro piloto mais rápido do dia: 1min45s180. Já Sebastian Vettel, atual líder do Mundial de Pilotos, teve apresentação discreta e marcou 1min45s235, apenas o quinto tempo.

A 20 minutos do fim, a chuva passou a cair em Ardenas e os pilotos recolheram seus carros para os boxes. O australiano Daniel Ricciardo, da Red Bull, calçou pneus intermediários e arriscou uma volta no circuito, mas logo desistiu. Assim como Fernando Alonso, da McLaren, que também não teve sorte com a pista molhada.

 

Depois de sofrer vertigens no GP da Hungria, Felipe Massa retornou às pistas, mas por pouco tempo. Logo na primeira volta, o brasileiro perdeu o controle de sua Williams e bateu forte contra o muro de proteção. Apesar de não sofrer nenhuma lesão, o piloto não conseguiu participar do segundo treino desta sexta. Correndo contra o tempo, os mecânicos da Williams não realizaram o conserto do carro a tempo de colocar Massa de volta na pista de Spa-Francorchamps.

O treino classificatório para o GP belga acontece neste sábado, às 09h00 (de Brasília). O Grande Prêmio da Bélgica, 12º do calendário da Fórmula 1, corre neste domingo, também às 09h00, e terá 44 voltas.

Deixe seu comentário