Mais Esportes/Tênis

Nadal reassume topo do ranking; Marcelo Melo perde ponta nas duplas

São Paulo , Sp
21/08/2017 15:00:24

Em: Tênis
Rafael Nadal voltará a ser número um do mundo aos 31 anos (Foto: AFP / Matthew Stockman)

Com a atualização do ranking da ATP, nesta segunda-feira, Rafael Nadal voltou a ser número um do mundo. Mesmo depois de cair nas quartas de final de Cincinnati para o australiano Nick Kyrgios, o espanhol conseguiu abrir uma vantagem de 495 pontos frente ao britânico Andy Murray, agora, segundo colocado. Os suíços Roger Federer (7.145) e Stan Wawrinka (5.690), além do sérvio Novak Djokovic (5.325) completam o top cinco.

Esta é a quarta passagem de Nadal na ponta da lista. A estreia dele no topo foi em 18 de agosto de 2008, que se estendeu até 5 de julho de 2009. Ele voltou em 7 de junho de 2010, ficando até 3 de julho do ano seguinte. A última terminou em 2014. Agora, no início da quarta passagem, soma 141 semanas de liderança. O espanhol também será cabeça de chave um do Aberto dos Estados Unidos, na próxima segunda-feira.

Depois pouco mais de dez meses seguidos como número um, Murray não defendeu o vice-campeonato em Cincinnati do ano passado e cedeu a posição. Com a ausência também de Roger Federer no Masters norte-americano, Murray manteve o segundo posto. No Grand Slam norte-americano, a disputa pelo topo segue acirrada, caso os três participem.

Depois de vencer Kyrgios, neste domingo, e faturar o título do Masters 1000 de Cincinnati, Grigor Dimitrov subiu e alcançou a nona posição.

No feminino, as duas primeiras colocações permaneceram iguais: a tcheca Karolina Pliskova mantém a liderança com 6.390 pontos e é seguida por Simona Halep, que detém 6.385. Com a vitória em Cicinnati, a espanhola Garbiñe Muguruza subiu três posições e agora é terceira.

Brasileiros caem no ranking — Nas duplas, Marcelo Melo perdeu a liderança, caindo três posições. Isso porque o finlandês Henri Kontinen, o australiano John Peers e sua dupla, o polaco Lukasz Kubot, subiram e ocuparam respectivamente a primeira, segunda e terceira colocações. Agora, o mineiro soma 7.700 pontos.Bruno Soares permaneceu na sétima posição, com 6.160 pontos.

Quem também desceu no ranking foi Rogério Dutra Silva em simples. Apesar da classificação, neste domingo, para o torneio norte-americano de Winston Salem, Rogerinho caiu duas colocações no ranking, e atingiu o 68º posto. Thomaz Bellucci também caiu duas posições: de 74, ele foi para a 76. Thiago Monteiro segue inerte na lista e manteve o número 114.