De virada, Federer vence Wawrinka e avança à semifinal em Cincinnati

São Paulo, SP

18-08-2018 08:26:47

Roger Federer segue na busca pelo seu oitavo título em Cincinnati (Foto: Rob Carr/Getty Images/AFP)

Encerrando a rodada dupla de sexta-feira, Roger Federer levou a melhor no confronto suíço pelas quartas de final do Masters 1000 de Cincinnati. Depois de sair atrás no placar, o "Leão da Montanha" reagiu e superou Stan Wawrinka por 2 sets a 1, com parciais de 7/6 (2-7), 7/6 (8-6) e 6/2, após 2h16 de partida.

Fato curioso é que o duelo aconteceu dez anos e um dia depois de conquistarem lado a lado a medalha de ouro nas duplas nos Jogos Olímpicos de Pequim. Além disso, este foi o 24ª confronto entre eles, sendo que Federer leva larga vantagem, tendo vencido 21 vezes.

Federer já havia entrado em quadra mais cedo nesta sexta-feira, quando triunfo sobre o argentino Leonardo Mayer pelas oitavas de final. Com os resultados, o número dois do mundo segue na busca pelo seu oitavo título no torneio e avança à semifinal, na qual vai encarar David Goffin, que venceu Juan Martin Del Potro e mais uma vez, leva vantagem no retrospecto: 6 a 1.

Por fim, o saldo de Wawrinka no torneio acaba sendo positivo. Atual número 151 do mundo, ele receberá 180 pontos pela campanha em Cincinnati e voltará ao top 100. Vale ressaltar ainda que o suíço não defende ponto até o fim do ano, já que ficou de fora do circuito no segundo semestre do ano passado por conta de lesão no joelho.

Veja também:

Djokovic perde um set, mas vence Raonic e está na semi em Cincinnati

Cilic tem trabalho, mas vence Carreño-Busta e avança em Cincinnati

No primeiro set, equilibrado do começo ao fim, os dois tenistas foram impecáveis no saque e não sofreram uma quebra sequer. No 11º game, Federer, vencendo por 6 a 5, desperdiçou dois set-points e o jogo foi decidido no tie-break. No game decisivo, Wawrinka aproveitou a falta de concentração do compatriota após o último game, venceu o tie-break por 7 a 2 e saiu na frente.

O segundo set foi marcado pelo mesmo equilíbrio. Ponto a ponto, os compatriotas foram chegando ao fim da disputa. Wawrinka se desgatou mais que seu rival para confirmar seus serviços, mas conseguiu levar novamente o jogo ao tie-break. Diferente do set anterior, Federer começou arrasador, abrindo 3 a 0. Mesmo assim, Wawrinka reagiu e teve a bola do jogo para despachar Federer. No entanto, dois erros não forçados deram a vitória parcial em 8 a 6 a Federer.

Jogo interrompido no primeiro game do terceiro set por causa de trovoadas. Cerca de 30min depois, a partida recomeçou. E Federer voltou com tudo. Com um desempenho impecável nas devoluções, o número dois do ranking não foi pressionado em nenhum momento pelo seu compatriota e conseguiu duas quebras, vencendo os quatro últimos games e decretando o triunfo.

Deixe seu comentário