Gazeta Esportiva

Pedindo bom senso, Peixe inicia série de jogos matutinos aos domingos

Do correspondente Tiago Salazar - Santos,SP

12/09/15 | 17:16 - 12/09/15 | 22:52

Santos fará primeiro clássico às 11h no Campeonato, contra o Corinthians em Itaquera (Foto: Fernando Dantas/Gazeta Press)
Santos fará primeiro clássico às 11h no Campeonato, contra o Corinthians em Itaquera (Foto: Fernando Dantas/Gazeta Press)

Os jogos de domingo, às 11 horas, geram sempre muita discussão sobre vantagens e prejuízos. Jogadores dizem que atrapalha a preparação, já os torcedores aprovam a novidade deste Campeonato Brasileiro lotando os estádios. Também existe a questão do calor e a mudança na rotina dos profissionais de imprensa. Diante de todo esse tumulto, a CBF montou uma tabela que prevê o Santos entrando em campo nos próximos três domingos justamente no horário matutino. E, para Dorival Júnior, técnico santista, a medida não traz grandes preocupações, desde que o bom senso prevaleça.

"Não vejo nada prejudicial, desde que aconteçam situações iguais, em que a equipe jogue na quarta-feira, também. Isso aconteceu no jogo do Figueirense contra o Cruzeiro, e podem ter certeza que ajudou bastante”, exemplificou o treinador, citando a goleada dos mineiros por 5 a 1 em cima do time de Santa Cataria há duas rodadas. Na ocasião, antes de se enfrentarem no Mineirão, o Figueirense havia jogado em uma quinta, às 21 horas, enquanto a Raposa tinha atuado na quarta, às 19h30.

"Corremos esse risco também. Jogamos duas partidas na quinta e estávamos em campo no domingo. São 24 horas de diferença. Isso causa um prejuízo muito grande”, ressaltou Dorival, deixando claro que, à exceção desta desigualdade na preparação, não enxerga qualquer lado negativo em colocar seu time em campo às 11 horas.

“Pode ser que um ou outro jogador não goste, mas não é um problema", afirmou.
O Peixe visita a Ponte Preta neste domingo, em Campinas. No fim de semana seguinte, encara o Corinthians, em Itaquera, também às 11 horas. Para, no outro domingo, receber o Internacional, no mesmo horário, na Vila Belmiro. Entre estes confrontos, o alvinegro praiano recebe o Atlético-MG na próxima quarta e abre o duelo contra o Figueirense, pelas quartas de final da Copa do Brasil, no Orlando Scarpelli, dia 23.

“Campeonato Brasileiro você não tem escolha. Os jogos fáceis não existem. Os jogos simples são complicados, com muita disputa. Naturalmente, o rendimento caiu um pouquinho, pela sequência. Então, estamos preparados para um jogo com nível de dificuldade alto”, projetou Dorival Júnior, visando o primeiro desafio da equipe nesta sequência que promete colocar o elenco em xeque.

Vale lembrar que neste Brasileirão, o Santos já encarou Sport e Joinville às 11 horas. Ambas as partidas aconteceram na Vila Belmiro, na 4ª e 15ª rodadas, respectivamente.

Confira a lista dos times que mais atuaram às 11 horas até a 24ª rodada do Brasileiro:

5 jogos - Coritiba
5 jogos - Chapecoense
4 jogos - Ponte Preta
3 jogos - Sport, Palmeiras, Joinville, Grêmio, Goiás, Atlético-PR
2 jogos - Vasco, Santos, Inter, Avaí, Figueirense e Cruzeiro
1 jogo - São Paulo, Fluminense, Flamengo, Atlético-MG

Deixe seu comentário