Futebol/Copa da Ásia

Catar surpreende de novo, vence o Japão e conquista a Copa da Ásia

São Paulo , SP
01/02/2019 13:58:08

Em: Futebol Internacional, Japão, Notícias

Surpreendendo do começo ao fim, o Catar é o campeão da Copa da Ásia. Jogando no Zayed Sports City, em Abu Dhabi, nos Emirados Árabes, o país sede da próxima Copa do Mundo teve mais uma ótima atuação, assim como em toda a competição, venceu o Japão com contundência, por 3 a 1, e conquistou o inédito título continental. Almoez, Hatim e Afif marcaram para os cataris, enquanto Minamino fez o tento solitário da seleção nipônica.

Assim, a seleção catari chega ao seu primeiro título asiático com uma campanha quase impecável. Além de mostrar um futebol de ótimo toque de bola e marcar 19 tentos em sete jogos, a equipe comandada pelo espanhol Félix Sánchez Bas eliminou a potência Coreia do Sul nas quartas e superou o maior vencedor do torneio na decisão, justamente na partida em que sofreu seu único gol.

O Japão, por sua vez, desperdiça a oportunidade de levantar seu quinto troféu asiático. Agora, as duas seleções voltam aos gramados em março para amistosos antes de embarcar para o Brasil, onde disputarão a Copa América como convidados em junho.

O Catar é o grande campeão da Copa da Ásia (Foto: Khaled DESOUKI / AFP)

Catar abre vantagem com dois golaços

Melhor no início da partida, o Catar abriu o placar logo aos 12 minutos com um lindo gol. Afif escapou pela esquerda após trama construída pelo chão desde o campo de defesa e cruzou na área, onde Almoez dominou levantando a bola, fez uma embaixadinha e virou uma puxeta. A redonda ainda bateu na trave antes de morrer nas redes.

A equipe catari, sem sofrer sustos defensivamente, como em toda a competição, ampliou a vantagem aos 27. Sozinho entre as linhas do Japão, Hatim foi acionado por Afif, trouxe para a perna esquerda em direção ao meio e acertou um lindo chute de média distância, no ângulo de Gonda, que nada pôde fazer.

Apesar do 2 a 0, o Japão saiu no lucro na primeira etapa, já que poderia ter tomado o terceiro. Depois de rebote do goleiro nipônico, Al Haydos perdeu grande chance ao finalizar na trave esquerda.

Japão reage, mas cataris dão banho de água fria e garantem o título

Ciente da necessidade de uma reação logo no começo da segunda etapa, a seleção nipônica adiantou a marcação e buscou pressionar o rival, mas a falta de objetividade na troca de passes impediu qualquer construção que terminasse em um arremate de perigo ao rival.

Mesmo assim, na primeira boa chance, o Japão diminuiu aos 24 minutos. Osako recebeu na estrada da área e deu passe preciso para Minamino, que venceu a marcação na corrida e tocou de cobertura para balançar as redes.

A esperança japonesa, entretanto, durou pouco. O zagueiro Yoshida colocou a mão na bola após cruzamento na área e o árbitro assinalou pênalti. Afif converteu a cobrança, se credenciou como o grande nome da decisão com um gol e duas assistências e garantiu o título continental ao Catar.