Emery explica opção por deixar Thiago Silva no banco: "Questão tática"

São Paulo, SP

16-02-2018 12:12:58

Foram muitas as críticas a Unai Emery, técnico do Paris Saint-Germain, foram muitas após a derrota significativa para o Real Madrid no jogo de ida das oitavas de final da Liga dos Campeões. A primeira delas surgiu antes mesmo da bola rolar no Santiago Bernabéu, quando o espanhol confirmou que deixaria o capitão Thiago Silva apenas no banco de reservas. Kimpembe foi o escolhido para compor a zaga titular ao lado de Marquinhos.

A decisão não poderia deixar de ser pauta na coletiva de imprensa concedida pelo comandante nesta sexta-feira, quando o mesmo explicou o que o motivou a escolher o francês em vez do brasileiro. "Para mim, ele pode dar muitas coisas à equipe. Quando preparo cada partida, uma decisão como essa é tomada com todo mundo. Quando disse que escolhi Kimpembe, disse que era por uma questão tática, não técnica. Falei com Thiago Silva, Kimpembe e Marquinhos... Preciso deles em cada partida. Contra o Real e em qualquer outro jogo, tenho confiança neles", apontou.

Ao longo da partida, Emery fez substituições que não agradaram à imprensa francesa, colocando Meunier no lugar do artilheiro Cavani, adiantando Daniel Alves para a meia, sem nem sequer colocar Di Maria em campo. O argentino Lo Celso, que estava mal no jogo, foi substituído faltando apenas cinco minutos para o apito final, sendo trocado pelo alemão Draxler. E ainda restou uma troca a se fazer, que não foi explorada pelo espanhol.

"Todas as coisas que fizemos na partida são coisas que trabalhamos. Todas as escolhas para esse jogo não foram inéditas, são coisas que trabalhamos durante a temporada, e é por isso que o resultado pode dar certo ou não. São coisas que trabalhei, mas o resultado não é o que eu queria. Cada um pode aproveitar a oportunidade que dou. A diferença é quando fazemos o gol ou não", explicou.

Perdendo por 3 a 1 no Bernabéu, o Paris Saint-Germain precisará fazer no mínimo dois gols no jogo de volta para avançar às quartas de final. O duelo decisivo está programado para ocorrer no dia seis de março, no Parque dos Príncipes. Enquanto isso, neste final de semana o time de Emery recebe o Strasbourg, pela rodada de número 26 do Campeonato Francês.

Deixe seu comentário