Cristiano faz quatro em massacre do Real; Lucas marca em triunfo do PSG

São Paulo, SP

08-12-2015 19:39:33

Nesta terça-feira, Cristiano Ronaldo roubou e cena e fez quatro gols na Suécia (foto: Pierre-Philippe Marcou/AFP)
Nesta terça-feira, Cristiano Ronaldo roubou e cena e fez quatro gols na Suécia (foto: Pierre-Philippe Marcou/AFP)

Esta terça-feira foi dia de Liga dos Campeões e, mais uma vez, dia de show de Cristiano Ronaldo. No Santiago Bernabéu, o Real Madrid massacrou o Malmo-SUE por 8 a 0, com quatro tentos do português, três de Benzema e um de Kovacic. No outro jogo do grupo A da competição, o Paris Saint-Germain venceu o Shakhtar Donetsk por 2 a 0 com gols do brasileiro Lucas e de Ibrahimovic, e fechou bem a chave, com a vice-liderança. Já os ucranianos, mesmo derrotados, garantiram vaga na Liga Europa.

Os merengues já haviam entrado em campo com a primeira posição assegurada nesta última rodada, e encerraram a chave de grupos invictos, com cinco vitórias e um empate e 16 pontos. Já o PSG ficou com 13 unidades, enquanto o Shakhtar somou três e o Malmo terminou na lanterna, com os mesmos três pontos.

Os arquirrivais da equipe de Cristiano Ronaldo na capital espanhola também se deram bem nesta terça. O Atlético de Madri superou o Benfica por 2 a 1 fora de casa, em Portugal, e garantiu a liderança do grupo C, com 13 pontos. Já a equipe do atacante brasileiro Jonas avançou com o segundo posto, somando 10 unidades, e o Galatasaray-TUR empatou com o Astana-CAZ por 1 a 1, garantindo assim a terceira colocação e a oportunidade de entrar na disputa da Liga Europa.

Benzema superou recentes problemas pessoais e também brilhou ao fazer três (foto: Pierre-Philippe Marcou/AFP)
Benzema superou recentes problemas pessoais e também brilhou ao fazer três (foto: Pierre-Philippe Marcou/AFP)

Com time misto, Real Madrid massacra o Malmo
Mesmo sem alguns titulares como Kroos, Marcelo e Bale, poupados, o Real Madrid começou pressionando o Malmo no Santiago Bernabéu. Logo aos seis minutos, Isco recebeu na área em boa posição para finalizar, mas preferiu tentar mais um drible e acabou perdendo a bola. Mas, aos 12, Benzema não desperdiçou sua oportunidade. Após bela jogada de Cristiano Ronaldo, Isco bateu e a defesa bloqueou, mas no rebote o francês empurrou com categoria para o fundo da rede.

Donos da posse de bola, os merengues aumentaram sua vantagem ao placar aos 24 minutos, em novo lance do inspirado Benzema, que recebeu cruzamento de CR7 da direita e cabeceou bem para fazer 2 a 0. Com facilidade para ameaçar a meta adversária, o Real chegou mais duas vezes, com James Rodríguez e Cristiano, antes de anotar seu terceiro tento. O astro português redimiu-se após finalizações erradas e, de longe, soltou a bomba em cobrança de falta para superar o goleiro Wiland.

Oportunista, Cristiano Ronaldo voltou a balançar as redes logo aos dois minutos do segundo tempo. Benzema fez boa jogada pelo meio e rolou para a finalização de Danilo, que pegou na zaga e ficou na medida para o camisa 7 merengue apenas empurrar para dentro de canhota. Apenas três minutos depois, o Gajo contou com cruzamento de Danilo e falha do goleiro Wiland para, em chute rasteiro, marcar seu terceiro gol no jogo.

De olho nas condições físicas de seus titulares, Benítez colocou Marcelo no lugar do zagueiro Pepe. O outro lateral brasileiro do Real, Danilo, seguia fazendo boa partida, e chutou forte para boa defesa de Wiland. Mas o sexto gol dos merengues foi mesmo marcado por ele, Cristiano Ronaldo. Após linda jogada de Benzema pela direita, com direito a passe de calcanhar entre as pernas de adversário, Isco cruzou para o português, que bateu rasteiro com categoria para deixar sua quarta marca na partida.

Já em ritmo de treino, o Real não teve dificuldades para alargar ainda mais a goleada, a níveis históricos. Aos 25 minutos, Kovacic bateu forte no meio do gol após sobra da defesa para fazer o sétimo. Apenas quatro minutos depois, fácil linha de passe dos visitantes terminou nos pés de Benzema, que chutou com categoria para colocar 8 a 0 no placar.

Já classificado, Paris Saint-Germain bate o Shakhtar no Parque dos Príncipes
Buscando garantir presença na Liga Europa, o Shakhtar não se acanhou no Parque dos Príncipes e apareceu logo aos cinco minutos com Eduardo, que levou perigo à meta mandante. A resposta do PSG veio em erro da defesa ucraniana, três minutos depois. Ibrahimovic pegou a sobra e tentou fazer de cobertura, mas mandou por cima do gol.

A partida seguiu aberta no tradicional palco parisiense e, aos 28 minutos, foi a vez de Alex Teixeira perder boa oportunidade. O brasileiro recebeu dentro da área, ajeitou e tentou limpar o compatriota Marquinhos, mas deixou a bola escapar, assim como a chance de abrir o placar. Mas, do outro lado, Ibrahimovic também voltou a ser impreciso e, após cruzamento de Kurzawa, tentou dominar, mas sofreu o bote da zaga e perdeu a bola. O sueco ainda quase marcou contra aos 44, mas o goleiro Trapp salvou em cima da linha.

A segunda etapa seguiu tão movimentada quanto a primeira, com boas oportunidades para os dois lados, mas só o brasileiro Lucas, aos 12 minutos, foi abrir o placar. O ex-são-paulino recebeu de Ibrahimovic na entrada da área, ajeitou e bateu no canto para colocar o PSG em vantagem na capital francesa.

Empolgado pelo primeiro gol, o time da casa partiu para cima, e o técnico Laurent Blanc inclusive colocou na partida titulares que estavam sendo poupados: Di María e Cavani, que substituíram Matuidi e Lavezzi. Aos 41, os donos da casa voltaram a mexer no placar. Após chutão de Trapp, Lucas desviou de cabeça e Ibrahimovic rolou para o fundo do gol.

Saúl e Vietto dão liderança ao Atlético de Madri
Mesmo fora de casa, o Atlético de Madri abriu o placar no primeiro tempo com Saúl. A vantagem espanhola ficou maior aos 10 minutos da segunda etapa com gol do argentino Lucas Vietto. O Benfica conseguiu descontar aos 29, com Mitroglou, mas amargou mesmo a derrota e a segunda colocação.

Deixe seu comentário