Futebol/Campeonato Mineiro

De virada, Caldense derrota Tupi em casa e entra no G4 mineiro

GazetaEsportiva.net - Poços de Caldas , MG -
07/03/2015 18:31:00

Em: Campeonato Mineiro, Campeonatos, Campeonatos Estaduais, Futebol

Na véspera do grande clássico entre Cruzeiro e Atlético-MG, quatro jogos abriram a sexta rodada do Campeonato Mineiro, neste sábado. No Ronaldão, a invicta Caldense levou a melhor sobre o Tupi por 2 a 1, de virada, e entrou no G4 da competição, alcançando a marca dos 12 pontos.

Ainda assim, a terceira posição pode ser perdida neste domingo, quando América-MG e Vila Nova-MG, empatados em quarto com 11 pontos, se enfrentam em um confronto direto no Castor Cifuentes. Já o Tupi segue como sétimo, com seis pontos.

Sob forte chuva em Poços de Caldas, o primeiro tempo foi frio. A etapa final, por outro lado, já começou de forma oposta: logo aos três minutos, o árbitro assinalou pênalti para o Tupi, quando Daniel Morais foi puxado por Plinio dentro da área. Na cobrança, o próprio Daniel Morais abriu o placar, chutando no meio do gol para dar a vantagem ao time visitante.

Logo em seguida, no entanto, o atacante Luiz Eduardo subiu de cabeça e empatou a partida, anotando o seu quinto gol na atual edição do Campeonato Mineiro. Autor do pênalti, Plinio se redimiu aos 30 da etapa final, cruzando para a área pelo lado esquerdo. Thiago Azulão desviou de cabeça e Cristiano apareceu livre para tocar para o gol, fechando a virada da Caldense em 2 a 1.

Enquanto isso, no Farião, em Divinópolis, o Guarani-MG empatou com o Democrata GV em 2 a 2. O primeiro gol foi marcado logo aos quatro minutos, quando Iago cruzou e Marcinho dominou no peito dentro da área, tocando de direita para inaugurar o marcador.

Na volta para o segundo tempo, o Democrata empatou aos 10 com Kaio Wilker, que recebeu livre e tocou na saída do goleiro George para igualar. Dois minutos depois, no entanto, Carlos Renato recebeu de Michel Cury, driblou o arqueiro e voltou a colocar o Guarani em vantagem.

Aos 48, quando a festa já estava quase definida, o Democrata decidiu arruiná-la. Osvaldir cruzou para João Paulo, que tocou de cabeça e voltou a deixar tudo igual – dessa vez no placar final.

Simultaneamente, o Tombense venceu a URT por 2 a 1, enquanto Mamoré e Boa Esporte ficaram no empate sem gols e sem sal.