Flamengo bate o Vélez de virada em estreia na Libertadores

Gazeta Press - Rio de Janeiro,RJ

20-04-2021 23:35:53

O Flamengo derrotou o Vélez Sarsfield, de virada, na noite desta terça-feira por 3 a 2, no Estádio José Amalfinati, em Buenos Aires, na Argentina. O jogo foi válido pelo Grupo G da Libertadores, que agora tem os brasileiros na liderança com três pontos. Os argentinos seguram a lanterna em uma chave onde nesta quarta-feira jogam, no Chile, Unión La Calera e LDU, do Equador. Arão, Gabigol e Arrascaeta fizeram os gols dos vitoriosos, enquanto Janson descontou duas vezes para os donos da casa.


O Flamengo começou o jogo com mais posse de bola, mas sem muita capacidade de penetração. Assustou aos seis minutos, quando Gabigol, livre de marcação, não alcançou um cruzamento. Com uma postura mais ofensiva os brasileiros acabaram sendo surpreendidos no contra-ataque. Assim o Vélez Sarsfield abriu o marcador aos 20 minutos. Lucero fez boa jogada individual, deixou Gustavo Henrique caído no chão e rolou para o complemento certeiro de Janson.

A vantagem não alterou a estratégia do Vélez, que se fechou ainda mais. Com o Flamengo nervoso, sem conseguir criar, os argentinos quase ampliaram em outro contra-ataque aos 39 minutos. Almada avançou e chutou à direita do goleiro Diego Alves.

Para conseguir o empate o Flamengo precisava apelar para a habilidade de seus craques e isso acabou decidindo aos 43 minutos. Após rebote, Gérson fez grande jogada e furou a defesa com um belo passe para Arão. O volante, que atuou como zagueiro, só teve o trabalho de deslocar o goleiro Hoyos e decretar a igualdade. E por muito pouco o Rubro-Negro não foi em vantagem para um intervalo em um lance exatamente igual. Gérson dessa vez acionou Everton Ribeiro, mas este tirou muito do arqueiro e mandou a bola para fora.

Na volta para o segundo tempo o Flamengo viu o Vélez voltar a ficar em vantagem logo aos oito minutos. Galdames cobrou escanteio, Gianetti tocou de cabeça e ajeitou para o complemento de Janson marcar seu segundo gol no jogo.

Mas o clima de tensão durou pouco e o Flamengo empatou aos 15 minutos. Gabigol tentou se livrar de Hoyos e foi derrubado pelo goleiro. O árbitro Wilmar Roldán deu corretamente o pênalti, convertido pelo próprio artilheiro.

Aos 18 minutos Arrascaeta perdeu boa chance, ao chutar para fora de dentro da área em complemento de cruzamento de Everton Ribeiro. Aos 30 foi a vez de Gabigol voltar a assustar o goleiro em chute de fora da área. Mas a bola foi para fora. No lance seguinte o arqueiro operou um milagre em chute do artilheiro.

A virada estava madura e ela veio aos 34 minutos. Em meio a uma polêmica sobre a sua permanência no clube, De Arrascaeta fez um golaço em chute de fora da área e colocou o Rubro-Negro em vantagem.

A situação do Flamengo ficou mais fácil aos 41 minutos quando Mancuello, que tinha acabado de entrar, foi expulso por uma entrada violenta em Gabigol.

As duas equipes voltam a campo pela Copa Libertadores já na próxima semana. Na terça-feira o Rubro-Negro recebe o La Calera do Chile no Maracanã, às 19h15(de Brasília). Já o Vélez, no mesmo dia, visita a LDU em Quito. Antes disso, no sábado, às 19h(de Brasília), o Flamengo encara o Volta Redonda pelo Campeonato Carioca.

FICHA TÉCNICA
VÉLEZ SARSFIELD-ARG 2 X 3 FLAMENGO-BRA

Local: Estádio José Amalfinati, em Buenos Aires, na Argentina
Data: Terça-feira, 20 de abril de 2021
Horário: 21h30 (de Brasília)
Árbitro: Wilmar Roldán (COL)
Assistentes: Wilmar Navarro (COL) e Miguel Roldán (COL)
Cartões amarelos: Santiago Cáseres, Juan Lucero, Lucas Hoyos, Galdames e Thiago Almada (Vélez) e Gustavo Henrique, Diego Alves, Gabriel Batista e Bruno Henrique (Flamengo)
Cartões vermelhos: Mancuello (Flamengo)
Gols:
VÉLEZ SARSFIELD: Lucas Janson aos 20 minutos do 1º Tempo e Lucas Janson aos 8 minutos do 2º Tempo
FLAMENGO: Willian Arão aos 43 minutos do 1º Tempo e Gabigol aos 15 e Arrascaeta aos 36 minutos do 2º Tempo

VÉLEZ SARSFIELD: Lucas Hoyos, Miguel Brizuela (La Fuente), Lautaro Gianetti e Luis Abram; Tomás Guidara (Monzón), Pablo Galdames, Santiago Cáseres (Bouzat), Thiago Almada (Lucas Orellana) e Francisco Ortega (Mancuello); Lucas Janson e Juan Lucero
Técnico: Mauricio Pellegrino

FLAMENGO: Diego Alves, Isla, Willian Arão, Gustavo Henrique (Bruno Viana) e Filipe Luís; Diego Ribas, Gerson (Hugo Moura) e Arrascaeta; Everton Ribeiro (Vitinho), Gabigol e Bruno Henrique (Pedro)
Técnico: Rogério Ceni

Deixe seu comentário