Liga dos Campeões

×
| // - :

Futebol Internacional/Liga dos Campeões

Lyon e Barça ficam no zero na França e decisão vai para o Camp Nou

São Paulo , SP
19/02/2019 18:51:42

Em: Barcelona, Futebol, Futebol Internacional, Liga dos Campeões, Lyon, Notícias

Nada de gols no Parc Olympique Lyonnais, nesta terça-feira, para o duelo entre Lyon e Barcelona. Em confronto válido pela partida de ida das oitavas de final da Liga dos Campeões, franceses e catalães não tiraram o zero do placar e, com isso, a decisão ficou mesmo para o embate seguinte.

As duas equipes se enfrentam no confronto de volta das oitavas no dia 13 de março, quarta-feira, em pleno Camp Nou, às 17h00 (horário de Brasília). O Barça não joga por nenhum empate no duelo, devido ao critério de gols fora de casa.

RELEMBRE, MINUTO A MINUTO, COMO FOI A PARTIDA!

Lyon não se intimida e também oferece perigo ao Barça no primeiro tempo

Logo aos dois minutos de partida, o Barcelona chegou com perigo pela primeira vez. Após Sergi Roberto fazer pressão na saída de bola, Messi arrancou em velocidade e só foi parado com falta por Aouar, que recebeu o cartão amarela. Na grande chance de falta, o camisa 10 blaugrana exagerou na força e colocou a bola por cima do gol defendido por Lopes.

No lance seguinte, o Lyon respondeu. O mesmo Aouar recebeu bola pela intermediária e, sem hesitar, bateu firme e rasteiro. Ter Stegen teve que pular para fazer grande defesa e impedir que o time da casa abrisse o marcador do confronto.

Etapa inicial foi equilibrada (Foto: JEFF PACHOUD / AFP)

Aos oito minutos de embate, os donos da casa mais uma vez chegaram com perigo, carimbando o ótimo e agitado começo de partida. Depois de receber assistência de peito, Terrier arriscou de longe e enfiou uma bomba. O arqueiro alemão do Barça fez a ponte e conseguiu o desvio –  a bola ainda bateu no travessão antes dos ânimos se acalmarem.

Apesar da boa chance, entretanto, a pressão catalã em busca do primeiro gol continuou. Aproveitando os espaços deixados pela defesa do Lyon, os comandados de Ernesto Valverde permaneceram no comando do ataque e controlaram as ações ofensivas de toda a partida.

No entanto, ao longo da etapa inicial, os franceses equilibraram as ações e deixaram de sofrer tanto, deixando o embate parelho. Ao apito parcial de Cuneyt Çakir, o zero permaneceu no placar.

Catalães apertam, mas não chegam ao gol

A primeira boa oportunidade dos últimos 45 minutos de jogo saiu dos pés de Memphis Depay. O camisa 11 do Lyon recebeu bola na entrada da área e bateu com categoria, tentando deslocar Ter Stegen, mas colocou muita curva e a finalização foi para fora.

Aos 17, foi a vez do Barcelona assustar. Suárez fez a corrida para dentro da área e recebeu a bola na medida. O camisa 9 blaugrana se enrolou com a bola, perdeu o tempo da batida e não conseguiu dar o passe para Messi, livre dentro da grande área, sendo interceptado na finalização por Dubois.

Dia não foi bom tecnicamente para os comandados de Ernesto Valverde (Foto: JEFF PACHOUD / AFP)

Dois minutos depois, após tabelinha com o francês Dembele, Messi arrancou pela direita e chutou cruzado, firme, mas Anthony Lopes espalmou e impediu o tento catalão.

O cenário do segundo tempo foi similar ao do período anterior. O Barcelona passou a pressionar os donos da casa em busca do gol – a equipe blaugrana contou com boas finalizações de Luis Suárez, mas não conseguiu balançar o fundo das redes.

Com cinco minutos para o apito final, o Barça teve outra grande oportunidade. Messi fez a jogada individual dentro da área e encontrou Busquets na meia-lua. O volante encheu o pé e obrigou Anthony Lopes a pular, no reflexo, para fazer grande defesa. No lance seguinte, o argentino serviu assistência para Suárez, mas o uruguaio não conseguiu cabecear à queima-roupa e a bola foi para fora.

FICHA TÉCNICA
LYON 0 x 0 BARCELONA

Local: Parc Olympique Lyonnais, em Lyon, na França
Data: 19 de fevereiro de 2019, terça-feira
Horário: 17h00 (horário de Brasília)
Árbitro: Cuneyt Çakir, da Turquia
Assistentes: Bahattin Duran e Tarik Ongun, ambos da Turquia
Árbitro de vídeo: Danny Makkelie e Kamphuis Jochem, ambos da Holanda

Cartões amarelos: Aouar e Dubois (Lyon); Sergi Roberto e Semedo (Barcelona)
Gols: 

LYON: Anthony Lopes; Dubois, Marcelo, Denayer e Mendy; Ndombele (Cheikh), Aouar, Traoré (Tousart), Terrier (Cornet) e Depay; Dembélé
Técnico: Bruno Genésio

BARCELONA: Ter Stegen; Semedo, Piqué, Lenglet e Jordi Alba; Sergi Roberto (Vidal), Busquets e Rakitic; Messi, Dembele (Philippe Coutinho) e Suárez
Técnico: Ernesto Valverde

Além dos 90 minutos

Ads – Rodapé Posts




Escalação
Ainda não há informações
Tec -
- Tec

Posse de bola

68%
32%
Corinthians
Santos
999
Corinthians

Passe

999
Santos
999
Corinthians

Finalização

999
Santos
999
Corinthians

Cruzamento

999
Santos
999
Corinthians

Desarme

999
Santos

Faltas

24
COR
×
15
SAN

Impedimentos

24
COR
×
15
SAN

Cartões amarelos

24
COR
×
15
SAN

Cartões vermelhos

24
COR
×
15
SAN

Estatísticas de jogadores

Corinthians

LAD
Fagner
LAD
Fagner
LAD
Fagner
LAD
Fagner
LAD
Fagner
LAD
Fagner

Santos

LAD
Fagner
LAD
Fagner
LAD
Fagner
LAD
Fagner
LAD
Fagner
LAD
Fagner
Estatísticas de jogadores