Brasileiro Série B

Estádio Antônio Accioly | 12/10/2018

Futebol/Série B

Sampaio Corrêa vence no fim, deixa o Z4 e prolonga jejum do Atlético-GO

São Paulo , SP
12/10/2018 22:23:28 — 12/10/2018 22:26:51

Em: Atlético-GO, Brasileiro Série B, Sampaio Corrêa

A torcida do Sampaio Corrêa pode respirar aliviada. Na noite desta sexta-feira, a equipe foi a Goiás enfrentar o Atlético-GO pela 31ª rodada da Série B do Campeonato Brasileiro e garantiu importante triunfo na luta contra o rebaixamente, vencendo a partida por 2 a 1.

Com o resultado, o Sampaio vence a segunda seguida e vai a 32 pontos, mesma pontuação de CRB, Paysandu e Juventude. Mas supera os adversários no critério número de vitórias e deixa a zona do rebaixamento.

Por outro lado, o time da casa chega ao quinto jogo sem vitória, ficando com 45 pontos, três a menos que o quarto colocado Avaí, que ainda joga neste fim de semana,

O Atlético-GO volta a campo na próxima terça-feira, dia 16, quando visita o Brasil de Pelotas, às 21h30 (de Brasília). O Sampaio, por sua vez, só entra em ação no sábado, dia 20, encerrando a rodada às 21h (de Brasília), em casa, diante do Londrina.

Atlético-GO não vence há cinco jogos (Foto: Reprodução)

O jogo

O time da casa não quis saber e foi para cima logo nos primeiros minutos. Com apenas três minutos de bola rolando, o Atlético-GO teve a primeira boa chegada, quando Thiago Santos recebeu livre de marcação, mas chutou em cima do goleiro Andrey, que defendeu sem problemas.

O Dragão não dava sossego para o Sampaio e chegou novamente no minuto seguinte, de novo em jogada de Thiago Santos, que cabeceou com perigo e obrigou o goleiro a fazer a defesa para impedir o gol.

Quem não faz…

A equipe mandante continuava com a bola e Thiago Santos seguia bem jogando, sendo o centro das jogadas do Atlético-GO. Mas, como diz o ditado, quem não faz, toma.

Aos 12 minutos, em cobrança de falta perfeita de Danielzinho, Joécio subiu e cabeceou com tranquilidade para o fundo da rede, abrindo o placar para o Sampaio.

Apesar da desvantagem no marcador, o Dragão estava bem no jogo e continuava criando boas chances, especialmente com ele, Thiago Santos, que chamava a responsabilidade para si e seguia protagonizando o duelo particular com o goleiro Andrey.

Aos 18 minutos, o atacante se livrou da marcação e arriscou de longe, parando em grande defesa do arqueiro, que mais uma vez salvou o Sampaio.

Na sequência, a partida esfriou, com as equipes pouco criando. Lance de perigo mesmo só voltou a ter aos 33 minutos, novamente do Atlético-GO, quando Bruno Santos cruzou e Renato Kayzer cabeceou para mais uma boa defesa de Andrey.

Mais uma chance e mais uma defesa providencial de Andrey em chute forte de Júlio César aos 45 minutos para mandar o placar mínimo a favor do Sampaio para o intervalo.

Gol contra empata a partida

A segunda etapa voltou com pouca intensidade. As equipes cometiam muitos erros e não eram muito efetivas em suas jogadas, com os goleiros pouco trabalhando.

O duelo só ficou agitado novamente aos 10 minutos. Julio César foi à linha de fundo, cruzou rasteiro e Joécio tentou afastar, mas acabou mandando contra a própria meta, deixando tudo igual em Goiânia.

Apesar do empate, a partida voltou a ficar pouco emocionante e só foi melhorar na metade da etapa complementar quando os times enfim pareciam ter acordado.

Aos 23, Misael recebeu na grande área e arrisca o chute, parando em grande defesa de Jefferson, que evitou o segundo tento tricolor. A resposta veio quatro minutos depois, quando Lucas Rocha desviou cobrança de escanteio e a bola passou com perigo pela trave adversária.

Gol no fim salva o tricolor

O empate parecia de fato encaminhado. Mas, para desespero da torcida em Goiânia, não foi bem isso que aconteceu. Aos 42 minutos, em cobrança de falta de Julinho, Jefferson deu rebote e Maracás aproveitou para estufar a rede e decretar o triunfo.

FICHA TÉCNICA
ATLÉTICO-GO 1 X 2 SAMPAIO CORRÊA

Local: Estádio Antônio Accioly, Goiânia (GO)
Data: 12 de outubro de 2018, sexta-feira
Horário: 20h30 (de Brasília)
Árbitro: Bruno Arleu de Araujo (RJ)
Assistentes: Luiz Cláudio Regazone (RJ) e Carlos Henrique Cardoso de Souza (RJ)
Cartões amarelos: Vitinho, Bruno Santos, João Paulo (Atlético-GO); William Oliveira (Sampaio Corrêa0
GOLS: ATLÉTICO-GO: Joécio (contra), aos 10 minutos do segundo tempo; SAMPAIO: Joécio, aos 12 minutos do primeiro tempo e Maracás, aos 42 minutos do segundo tempo

ATLÉTICO-GO: Jefferson; Alisson, Gilvan, Lucas Rocha e Bruno Santos; Rômulo (Renato Kayzer), Pedro Bambu e Vitinho (Tomas Bastos), João Paulo (André Luis), Júlio César e Thiago Santos
Técnico: Cláudio Tencati

SAMPAIO CORRÊA: Andrey; Luis Gustavo, Odair, Joécio e Julinho; Adilson Goiano, William Oliveira, Esquerdinha (Bruninho), Danielzinho (Maracás) e João Paulo (Misael); Uilliam Barros.
Técnico: Marcinho Guerreiro