Brasileiro Série A

Ilha do Retiro | 06/05/2018

Futebol/Campeonato Brasileiro

Sport derrota o Bahia e chega à segunda vitória com Claudinei

São Paulo , SP
06/05/2018 20:59:41 — 06/05/2018 21:12:50

Em: Bahia, Brasileiro Série A, Notícias, Sport

O Sport conseguiu sua segunda vitória no Campeonato Brasileiro com o comando de Claudinei Oliveira. Jogando em seus domínios, na Ilha do Retiro, pela quarta rodada da competição, a equipe foi melhor que o Bahia na primeira etapa e acabou abrindo o placar através de uma grande ajuda do goleiro Douglas, que marcou contra.

O Leão da Ilha ampliou logo no início do segundo tempo com Cláudio Winck. Os visitantes, atrapalhados pela expulsão do estreante Ítalo, sequer demonstraram reação e a partida acabou com vitória dos anfitriões por 2 a 0.

Com o resultado, o Rubro-Negro chega aos sete pontos e assume a oitava colocação. O Tricolor, por sua vez, estaciona nos quatro e segue provisoriamente na 15ª colocação, já que a Chapecoense, que pode ultrapassá-lo, joga nesta segunda-feira diante do Paraná.

Na rodada seguinte, o Sport enfrenta o Cruzeiro, no Mineirão, às 11h (de Brasília) do próximo domingo. Já o Bahia recebe o São Paulo, na Arena Fonte Nova, no mesmo dia, porém, um pouco mais tarde, às 16h.

Cláudio Winck marcou um dos gols do Sport (Foto: Williams Aguiar/Sport Club do Recife)

Primeiro tempo

Jogando em seus domínios, o Sport se impunha e ditava o ritmo da partida. O Bahia, por sua vez, buscava escapar nos contra-ataques, e, quando não era possível, valorizava a posse de bola para criar jogadas trabalhadas. Logo aos nove minutos, os visitantes chegaram com Edigar Junio. O atacante recebeu de Élber e bateu rasteiro para defesa segura de Maílson.

A resposta dos mandantes veio 12 minutos depois. Marlone recebeu bola de Gabriel na ponta esquerda, trouxe para dentro e bateu forte, forçando Douglas a fazer boa defesa. Mais tarde, o meio-campista obrigou o goleiro a fazer outra boa intervenção ao cobrar falta fechada da extremidade esquerda ofensiva.

A partir da segunda metade da etapa inicial, o Leão da Ilha cresceu de produção e empurrou o Tricolor para o campo de defesa, mas pecava no último passe para deixar os atacantes em boas condições de arremate. Aos 41, Felipe Bastos recebeu e foi costurando a marcação adversária até finalizar para defesa de arqueiro.

No último minuto do tempo regulamentar, a persistência rubro-negra foi recompensada com gol. Marlone, sempre ele, cruzou, Everson tentou cortar, mas mandou na própria trave, a bola voltou na direção do goleiro Douglas, que tentou segurá-la, porém, acabou dando um tapa para dentro do gol.

Segundo tempo

O Rubro-Negro voltou do intervalo com o mesmo ímpeto da segunda metade da primeira etapa. Aos dois minutos, Felipe Bastos deu passe de cavadinha para Sander finalizar, obrigando Douglas a espalmar para escanteio. Na cobrança, a bola foi desviada na primeira trave e a sobra ficou com Cláudio Winck, que pegou de primeira, a bola bateu quase na junção da trave com o travessão e morreu no fundo das redes.

Insatisfeito com a produtividade de seus jogadores de ataque, Guto Ferreira tirou Vinícius e Zé Rafael para a entrada de Régis e Ítalo, que fazia sua estreia pela equipe. As mudanças surtiram efeito e o Bahia melhorou na partida. Aos 18, depois de cruzamento, Régis deu um leve toque na bola e carimbou a trave de Maílson.

Porém, qualquer reação do Bahia foi freada com a expulsão de ítalo. O estreante, doze minutos após entrar no jogo, recebeu o segundo amarelo ao cometer falta dura. Com um a mais, o Sport voltou a dominar a partida. Aos 29, Éverton Felipe dominou cruzamento na área e bateu forte para boa defesa de Douglas. No rebote, Felipe Bastos chutou fraco para outra intervenção do goleiro.

Na reta final, o Leão da Ilha, sem ser assutado pelo adversário, apenas administrou o resultado e saiu de campo com a vitória por 2 a 0.

FICHA TÉCNICA
SPORT 2X0 BAHIA 

Local: Estádio Ilha do Retiro, em Recife (PE)
Data: 06 de maio de 2018, domingo
Horário: 19h (horário de Brasília)
Público: 15.165 torcedores
Renda: R$ 249.050,00
Árbitro: Grazianni Maciel Rocha (RJ)
Assistentes: Rodrigo Figueiredo Henrique Corrêa (RJ) e João Luiz Coelho de Albuquerque (RJ)
Cartões amarelos: Sander (Sport). Júnior Brumado e ítalo (Bahia)
Cartão vermelho:
Ítalo (Bahia)
Gols:
SPORT: Douglas (contra) aos 44 minutos do 1ºT e Cláudio Winck aos 3 minutos do 2ºT

SPORT: Maílson; Cláudio Winck (Fabrício), Ronaldo Alves, Ernando e Sander; Anselmo, Neto Moura (Éverton Felipe) e Fellipe Bastos; Marlone, Gabriel e Rogério (Carlos Henrique)
Técnico: Claudinei Oliveira

BAHIA: Douglas; Nino Paraíba, Everson, Lucas Fonseca e Leo Pelé; Gregore, Elton, Vinícius (Ítalo) e Zé Rafael (Régis); Élber e Edigar Junio (Júnior Brumado)
Técnico: Guto Ferreira