Futebol/Campeonato Brasileiro

Inter e Grêmio empatam por 1 a 1 e perdem a chance de diminuir distância para o Palmeiras

Do correspondente Cesar Esteves - São Paulo , SP
20/07/2019 21:10:00 — 20/07/2019 21:22:31

Em: Brasileiro Série A, Futebol, Grêmio, Internacional

No Gre-Nal 421, que comemorou os 110 anos de existência, Internacional e Grêmio empataram por 1 a 1 no Estádio Beira-Rio 11ª rodada do Campeonato Brasileiro. As duas equipes perderam a oportunidade de se aproximar do líder Palmeiras que foi derrotado pelo Ceará. O Colorado perdeu o 100% de aproveitamento que tinha na competição em seus domínios.

Pelo lado dos donos da casa, os destaques ficaram por conta de Edenílson, Wellington Silva e Cuesta. E a equipe gremista melhorou depois da entrada de Everton e Luan mesmo que não tenha feito uma boa atuação ajudou a igualar o placar. Paulo Miranda contra fez para os vermelhos.

Com o resultado, o Internacional segue em quinto lugar com 17 pontos. Por sua vez, o Grêmio permanece na 10ª colocação com 15 pontos.

Agora o Internacional volta as suas atenções para o jogo de ida das oitavas de final da Libertadores que será no dia 24, quarta, às 19h15( de Brasília), quando visita o Nacional, do Uruguai, no Parque Central. No dia seguinte o Grêmio recebe o Libertad, do Paraguai, às 21h30(de Brasília), na Arena.

Pelo Brasileiro, o Colorado enfrenta o Ceará no dia 27, sábado, às 19h(de Brasília), no Beira-Rio. Já o Tricolor Gaúcho encara no dia 29, segunda, o CSA, às 20h(de Brasília), no Rei Pelé.

O Jogo – As duas equipes se estudam nesse começo de clássico Gre-Nal. O Tricolor Gaúcho ficou mais tempo com a posse de bola, enquanto o Colorado se resguardou defensivamente apostando nas jogadas de contra-ataque.

Uma baita chance de gol os donos da casa perderam. Aos 05, Edenílson recebeu passe milimétrico de Sóbis que chutou. Júlio César faz grande defesa. No rebote, Wellington Silva tentou, mas o arqueiro operou um milagre. Apesar de estar mais tempo com a bola, o Tricolor Gaúcho não conseguiu infiltração na defesa vermelha. Por sua vez, o Colorado se mostrou mais objetivo quando vai ao ataque.

Na bola parada os vermelhos chegam ao primeiro gol. Aos 21, Rafael Sóbis cobrou falta fechada, Paulo Miranda tentou cortar, mas tirou qualquer chance de Júlio César e viu a pelota morrer no fundo da rede. Esse foi o terceiro gol contra do Grêmio no Campeonato Brasileiro. Após marcar o tento, o Inter cresceu na partida. Aos 23, Nonato recebeu de Sóbis, que faz jogada de efeito e chutou da intermediária, mas a bola passou por cima do gol de Júlio César.

Já o Grêmio tem figuras apagadas em campo como Galhardo, Luan e Diego Tardelli que não conseguem assustar a meta de Danilo Fernandes. Aos 30, o zagueiro Emerson Santos, lesionado, deixou o campo para a entrada de Klaus. Aos 31, Luan tocou para David Braz, que chutou perto do gol de Danilo Fernandes. Edenílson comandou o meio-campo vermelho e quando pegou na bola criou as melhores incidências ofensivas dos mandantes. O atacante Wellington Silva se mostrou muito insinuante e vem dando trabalho à defesa gremista.

Durante a etapa inicial, o Grêmio teve mais posse de bola, porém encontrou dificuldades de penetração e infiltração na defesa vermelha. O Internacional demonstrou um time de mais atitude e quando atacou sempre causou problemas ao sistema defensivo gremista.

Nesse retorno para o segundo o Colorado voltou com apetite de aumentar o placar. Aos 03, Sóbis recebeu em frente à área e chutou. Júlio César segurou sem dificuldade. Em desvantagem no marcador, os visitantes não conseguem furar o bloqueio defensivo colorado.

Para ganhar mais força no ataque, o técnico Renato Portaluppi sacou Galhardo para a entrada de Everton. O nível técnico da partida caiu muito comparado ao do primeiro tempo. Sem conseguir entrar na área do Inter, os jogadores do Grêmio começaram a chutar de longa distância.

Apagado no Gre-Nal, a estrela de Luan brilhou no Gre-Nal. Aos 25, Juninho Capixaba recebeu de Tardelli e cruzou na cabeça do meio-campista que superou Klaus e tocou para o fundo da rede sem chance para Danilo Fernandes. O tento marcado por Luan animou os gremistas em campo.

Na tentativa de reagir no confronto, os comandados de Odair Hellmann se lançam a frente. Agora o Tricolor Gaúcho buscou surpreender os vermelhos nas jogadas de contra-ataque com Everton e Pepê. Mesmo com a pressão dos dois times para pular a frente do marcador o resultado acabou terminando em igualdade. Nos acréscimos, aos 47, Everton acionou Pepê, que chutou. Danilo Fernandes faz milagre. No rebote Pepê chutou novamente, mas o arqueiro faz mais uma grande defesa.

Ficha Técnica

Internacional 1 x 1 Grêmio

Local: Estádio Beira-Rio, em Porto Alegre-RS

Data:  20 de julho (sábado)

Horário: 19h(de Brasília)

Árbitro: Anderson Daronco (Fifa-RS)

Assistentes: Rafael da Silva Alves (RS) e Elio Nepomuceno de Andrade Júnior (RS).

VAR: Rodrigo Guarizo Ferreira do Amaral (SP)

Renda: R$ 1.697.655,00

Público Total: 38.201

Cartão amarelo: Heitor, Sóbis, Edenílson(Internacional), Thaciano, Rômulo (Grêmio)

Gol: Paulo Miranda contra (Internacional), aos 21 minutos do primeiro tempo e Luan (Grêmio), aos 25 minutos do segundo tempo.

Internacional: Danilo Fernandes, Heitor, Emerson Santos (Klaus), Victor Cuesta e Natanael, Rodrigo Lindoso, Edenílson, Nonato (Pedro Lucas) e Wellington Silva, Guilherme Parede (Patrick) e Rafael Sóbis.
Técnico: Odair Hellmann

Grêmio: Júlio César, Léo Moura, Paulo Miranda, David Braz e Juninho Capixaba, Rômulo, Thaciano, Galhardo(Everton) e Luan, Pepê e Diego Tardelli (Darlan). Técnico: Renato Portaluppi