Vôlei

Osasco prega humildade e projeta jogo difícil na final do Paulista de vôlei

São Paulo , SP
12/10/2017 11:36:56

Em: Notícias, Paulista Feminino de Vôlei, Vôlei
No primeiro confronto entre as equipes no Paulista, o Barueri venceu por 3 a 0, quando o Osasco ainda estava sem o elenco completo (Foto: João Pires / Fotojump)

O campeão Campeonato Paulista de vôlei feminino será definido na sexta-feira, a partir das 18h30 (de Brasília). O Osasco, que venceu a primeira partida, irá receber o Barueri no segundo confronto da grande final e precisa de um triunfo para conquistar o seu sexto título estadual consecutivo. Em caso de derrota da equipe do ginásio José Liberatti, o grande vencedor será definido no set de ouro.

As atuais campeãs chegam para a partida de uma vitória por 3 a 0 no primeiro confronto, entretanto, mesmo defendendo longa sequência de invencibilidade, sabem que não podem achar que já ganharam, como destaca o treinador Spencer Lee.

“Jogamos em casa, com o apoio da nossa torcida, defendendo uma invencibilidade de 23 jogos. Vamos seguir com a mesma vontade e determinação tática que nos levaram à vitória na abertura da final a fim de repetir o resultado e levantar o título. A armadilha seria perder a humildade e achar que já está ganho, mas não vamos cair nessa”, afirmou o técnico, que está comandando o Osasco enquanto Luizomar de Moura está à frente da seleção do Peru.

A levantadora Carol Albuquerque também seguiu a linha adotada por Lee e ressaltou que o Barueri entre no duelo como franco-atirador. “Nossa expectativa é a melhor possível, mas sabemos que não será fácil, pois a responsabilidade é toda nossa. O Barueri, como já perdeu a primeira partida, vem para o tudo ou nada. Deve arriscar tudo no saque e precisamos estar atentas para ver se não trazem alguma coisa nova. Não podemos relaxar em nenhum momento, pensando que já está ganho”.