Nice perde em casa e vê classificação para Champions ameaçada

São Paulo, SP

26-02-2016 18:40:26

Jogadores do Bastia comemoram gol da equipe (Foto: VALERY HACHE/AFP)
Jogadores do Bastia comemoram gol da equipe (Foto: VALERY HACHE/AFP)

O Nice recebeu o Bastia precisando da vitória para se manter na zona de classificação da Liga dos Campeões, porém, viu o visitante aplicar 2 a 0 e complicar a vida dos anfitriões.

Em jogo muito duro, o time da casa até começou bem a partida, porém, após expulsão do zagueiro Baysse, o Bastia foi superior. Diallo anotou o primeiro gol em bela cobrança de falta, e Ayité deu números finais à partida.

Com a derrota, o Nice pode deixar a zona de classificação para a Liga dos Campeões caso o Saint-Étienne, empatado em 41 pontos, vença sua partida, que ocorre no próximo domingo. Já o Bastia assumiu provisoriamente a décima colocação.

O jogo - O Nice entrou em campo sem o craque da equipe, Ben Arfa, que segue lesionado. Com maior posse de bola, o time da casa conseguia trocar bons passes, porém, sem realizar muitas finalizações. Logo aos três minutos, os anfitriões chegaram com força ao ataque, mas pararam na boa defesa do goleiro Leca. Com o jogo muito disputado no meio-campo, os cartões amarelos começaram a surgir. O primeiro a entrar na caderneta do árbitro foi Koziello, do Nice, após falta em Diallo. Depois foi a vez do rival Mostefa ser punido por falta em Plea. No lance seguinte, Modesto derrubou Plea e foi amarelado.

Antes do final da primeira etapa, o Bastia teve uma boa chance de abrir o placar. Diallo, que se apresentava o jogador mais atuante da equipe, chegou com perigo e finalizou por cima do gol defendido por Cardinale. Já na volta do intervalo, a partida ficou quente novamente.

Confusão - Logo aos 10 minutos, Le Marchand, do Nice, fez falta em Ayité e foi advertido. Na jogada seguinte, Cahuzac, dos visitantes, deu uma rasteira em Germain e foi amarelado. Um minuto depois, o lance que mudaria a partida. Ayité saiu na cara do gol, quando foi derrubado por Baysse, que foi advertido com o cartão vermelho. Na cobrança de falta, o meia Diallo acertou um chutaço de perna direita e mandou no ângulo do goleiro Cardinale, colocando o Bastia na frente.

Com um jogador a mais, o time visitante começou a tomar conta do jogo, e aos 17 minutos, Ayité recuperou a bola no ataque e finalizou na saída do goleiro.

Com a partida dominada, o Bastia ainda conseguiu tomar mais dois cartões amarelos, enquanto o Nice recebeu o último do duelo - totalizando 9 cartões no jogo. Com a diferença numérica em campo, o time da casa pouco conseguiu fazer e acabou derrotado por 2 a 0.

 

 

Deixe seu comentário