Modesto descarta opinião de elenco e mantém demissão de gerente de futebol

Do correspondente Vitor Anjos - Santos,SP

11-02-2017 11:17:49

O Santos decidiu demitir o gerente de futebol Sérgio Dimas na última sexta-feira. A mudança não agradou o elenco e o técnico Dorival Júnior. Por conta disso, os integrantes da comissão técnica e os jogadores se reuniram com o presidente Modesto Roma Júnior para tentar reverter a situação. O mandatário, porém, já informou que não irá voltar atrás.

Segundo a diretoria do alvinegro, a demissão de Dimas faz parte de uma série de mudanças que irão acontecer no departamento de futebol. Ele estava no cargo desde 2015. Porém, a reportagem apurou que o profissional já estava desagradando os dirigentes havia algum tempo.

Além de cuidar da logística dos jogos fora de casa e até auxiliar o superintendente Dagoberto dos Santos, Dimas tinha o papel de ser a principal ligação entre diretoria, elenco e comissão técnica.

Com a saída de Dimas, o analista Alexandre Ceolin, que chegou recentemente do Atlético-MG, assume a função interinamente. Segundo o presidente Modesto Roma, porém, ele não será efetivado e o Comitê de Gestão do clube buscará outro profissional no mercado.

Ceolin já vinha fazendo o planejamento do clube para as viagens na Copa Libertadores da América. Ele, inclusive, vai para Peru e Colômbia nos próximos dias, onde irá conhecer a estrutura utilizada pelo Peixe nas partidas contra Sporting Cristal e Santa Fé, que são rivais na fase de grupos do torneio continental.

Deixe seu comentário