Por conta do coronavírus, jogadores do Schalke 04 renunciam a parte do salário

AFP - São Paulo,SP

27-03-2020 16:36:38

Os jogadores do Schalke 04 renunciaram a parte de seu salário para ajudar o clube a superar a crise financeira provocada pela pandemia do novo coronavírus, seguindo o exemplo de outros clubes da Bundesliga.

O elenco profissional do tradicional clube de Gelsenkirchen entrou em acordo com a diretoria para "renunciar parcialmente a seus salários e bonificações, além do adiamento do pagamento de parte dos salários até 30 de junho", informou o clube nesta sexta-feira.

Os dirigentes, o técnico e a comissão técnica comunicaram que aceitaram o acordo. Nenhum valor foi informado, mas a economia seria de "milhões de euros", o que permitiria ao Schalke, que conta com 600 funcionários, encarar os problemas financeiros que surgiram com a paralisação das competições.

Recentemente, os jogadores de outros tradicionais clubes da Alemanha (Bayern de Munique, Borussia Dortmund, Borussia Mönchengladbach, Bayer Leverkusen, Union Berlim) já haviam renunciado a parte dos salários, também como medida de ajudar as entidades durante a pandemia do coronavírus.

Deixe seu comentário