Sidão atinge 10º jogo seguido e fala em “sensação de dever cumprido”

São Paulo, SP
23/10/2017 18:54:13

Em: Brasileiro Série A, Futebol, São Paulo
Sidão soma 19 jogos no ano e nenhuma derrota como mandante (Foto: Sergio Barzaghi/Gazeta Press)

Sidão está cada vez mais consolidado como goleiro titular do São Paulo. No último domingo, contra o Flamengo, o camisa 12 fez três grandes defesas no segundo tempo e garantiu o triunfo por 2 a 0. Com os pés no chão, ele comemora a “sensação de dever cumprido”, após protagonizar falhas com os pés em partidas anteriores.

“A profissão de goleiro é assim: não pode errar, porque um deslize pode custar uma vitória. E felizmente consegui ajudar os meus companheiros. Fiquei feliz com o reconhecimento da torcida, mas vou manter a humildade para mostrar no dia a dia que tenho condições de vestir esta camisa”, disse o arqueiro de 34 anos, que prosseguiu.

“Como goleiro não joga no ataque para marcar os gols, nossa satisfação profissional é poder praticar as defesas e impedir as investidas dos adversários. Quando somos acionados lá atrás e conseguimos garantir as defesas, principalmente para um resultado importante como este, temos a sensação do dever cumprido”, acrescentou.

Invicto como mandante – sete jogos no Morumbi e dois no Pacaembu -, Sidão ainda agradece ao técnico Dorival Júnior pelo respaldo. O goleiro atingiu o décimo jogo consecutivo na meta são-paulina, a sua maior sequência pelo clube.

“Só nos treinamentos não temos como provar nada, principalmente para quem está de fora, mas são oportunidades importantes para mostrar o trabalho para o grupo e a comissão técnica que o atleta tem condição de jogar. O Dorival me deu a oportunidade e agradeço por isso. Trabalho para retribuir esta confiança”, ressaltou.

Com a vitória sobre o Flamengo, o São Paulo subiu para o 14º lugar do Campeonato Brasileiro, com 37 pontos, quatro acima da zona de rebaixamento, a oito rodadas do fim da competição. O que não dá margem para a equipe relaxar, segundo Sidão.

“Temos que manter os pés no chão, porque com humildade sairemos desta situação que não está totalmente resolvida. O Campeonato Brasileiro está bem embolado, difícil, mas dá um alívio poder trabalhar fora das últimas colocações. Seguiremos firmes para sair desta situação incômoda”, concluiu.

Novamente diante de sua torcida, o São Paulo terá como próximo compromisso o clássico com o Santos, neste sábado, às 17 horas (de Brasília), no terceiro jogo da série de cinco como mandante no Pacaembu.