São Paulo fica no 0 a 0 com o Campinense, mas avança na Copa do Brasil

São Paulo, SP

24-02-2022 23:26:57

Não foi do jeito que se esperava, mas o São Paulo está na segunda fase da Copa do Brasil. Nesta quinta-feira, o time comandado por Rogério Ceni visitou o Campinense, no estádio Amigão, em Campina Grande, na Paraíba, e, apesar de dominar o jogo, não conseguiu balançar as redes, tendo de se conformar com o empate sem gols fora de casa.

Pelo fato de estar melhor posicionado no ranking da CBF que o Campinense, o São Paulo tinha a vantagem do empate na noite desta quinta-feira. Justamente por isso, embora tenha pressionado o adversário no ataque e criado diversas oportunidades de gol, a equipe comandada por Rogério Ceni não se incomodou em voltar para a casa com o 0 a 0 no placar.

Classificado para a segunda fase da Copa do Brasil, o São Paulo terá pela frente o Manaus, que venceu o São Raimundo por 1 a 0 também nesta quinta-feira.


O jogo – O São Paulo não teve dificuldades para ter o controle do jogo. Ciente da qualidade do adversário, o Campinense preferiu adotar uma postura mais defensiva, mesmo jogando em casa, e esperou o Tricolor em seu campo. Justamente pela dificuldade de encontrar espaços, a primeira boa chance do jogo foi através de um chute de Rodrigo Nestor de fora da área, que tirou tinta da trave.

O time comandado por Rogério Ceni continuou indo para cima do Campinense e novamente em finalização de média distância assustou os adversários. Aos 17 minutos, Alisson recebeu pela esquerda, puxou para dentro e bateu firme, mas Mauro Iguatu defendeu. Pouco depois, o camisa 12 tricolor protagonizou outra boa chance, recebendo passe em profundidade de Nestor, invadindo a área e batendo buscando o canto, porém, o goleiro do Campinense bloqueou o arremate com o pé.

Embalado, o São Paulo passou a criar oportunidades de gol com mais facilidade. Aos 32, Calleri recebeu outro ótimo passe de Nestor, mas chutou em cima do goleiro ao sair cara a cara com ele. Mais tarde foi a vez de Mauro Iguatu fazer um verdadeiro milagre. Alisson recebeu cruzamento rasteiro de Nestor dentro da área e bateu de primeira, vendo o arqueiro rival espalmar no reflexo.

Antes do intervalo, Gabriel Sara ainda teve a derradeira chance no primeiro tempo de colocar o São Paulo em vantagem, em chute de fora da área, buscando o ângulo, mas a bola acabou passando a centímetros da baliza do Campinense.

Segundo tempo

Rodrigo Nestor seguiu como nome do jogo no segundo tempo. Aos seis minutos, o meia arriscou um chute de fora da área, que levou perigo. Depois, deixou Gabriel Sara na cara do gol, mas Mauro Iguatu fez outra importantíssima defesa para manter o 0 a 0 no placar.

Precisando de um gol, Rogério Ceni decidiu substituir Calleri e Nikão por Eder e Luciano, que fez sua estreia na temporada de 2022 após se recuperar de uma contratura na panturrilha esquerda. Posteriormente, Reinaldo e Igor Gomes entraram nas vagas de Léo e Alisson, mas pouca coisa mudou na dinâmica do jogo.

Na reta final da partida, o Campinense foi obrigado a se jogar no ataque em busca de um gol, já que o empate dava a classificação ao São Paulo, mas o time comandado por Rogério Ceni conseguiu conter o ímpeto dos donos da casa ao manter a posse de bola e também procurar balançar as redes. Assim, coube ao Tricolor apenas esperar o apito final para confirmar a ida à segunda fase da Copa do Brasil.

FICHA TÉCNICACAMPINENSE (PB) 0 X 0 SÃO PAULO

Local: estádio Amigão, em Campina Grande (PB)Data: 24 de fevereiro de 2022, quinta-feiraHorário: 21h30 (de Brasília)Árbitro: Ramon Abatti Abel (SC)Assistentes: Alex dos Santos (SC) e Éder Alexandre (SC)

Cartões amarelos: Alisson (São Paulo); Felipinho, Cláudio (Campinense)

CAMPINENSE: Muro Iguatu; Felipinho, Michel Bennech (Matheus Régis), Vinicius Santana e Emerson; Rafinha, Juninho (Patrick Recife) e Dione; Iago Silva (Gabriel Pereira), Olávio (Juninho Potiguar) e Alan Francisco (Cláudio).Técnico: Ranielle Ribeiro.

SÃO PAULO: Jandrei; Rafinha, Arboleda, Diego Costa e Léo (Reinaldo); Pablo Maia, Nestor (Marquinhos) e Sara; Nikão (Luciano), Alisson (Igor Gomes) e Calleri (Eder).Técnico: Rogério Ceni.

Deixe seu comentário