Fora de jogo decisivo, Thiago Mendes descarta favoritismo do Peixe

Tomás Rosolino - São Paulo,SP

22-10-2015 18:15:25

O volante Thiago Mendes não vai jogar na Vila, mas acredita na força dos companheiros

O volante Thiago Mendes não vai jogar na Vila, mas acredita na força dos companheiros (Foto: Djalma Vassão/Gazeta Press)
O volante Thiago Mendes não vai jogar na Vila, mas acredita na força dos companheiros (Foto: Djalma Vassão/Gazeta Press)

As dificuldades do São Paulo para conseguir a classificação à final da Copa do Brasil não abalam a confiança do volante Thiago Mendes. Para ele, nem o tabu de 15 anos sem eliminar o Santos em um mata-mata, a vitória por 3 a 1 do Peixe em pleno Morumbi e o retrospecto perfeito do rival na Vila sob o comando de Dorival Júnior colocam o alvinegro como favorito no jogo da volta, quarta-feira.

"Creio que não tem favoritismo, não. Temos jogadores de excelente nível na equipe. Assim como eles vieram para cá e fizeram 3 a 1 contra a gente, temos condições de ir para lá e fazer 3 a 1 para nós", disse o meio-campista. O problema para Thiago é que toda essa confiança não vai entrar em campo no duelo da volta, já que ele levou o terceiro cartão amarelo na Copa do Brasil e terá de cumprir suspensão.

O jogador, que avaliou como boa a atuação tricolor dentro de casa, culpou o "apagão" nos minutos iniciais do segundo tempo pelo revés. Para ele, é necessário apenas que os comandados de Doriva controlem essa queda brusca de rendimento para saírem da Vila com o passaporte carimbado à decisão.

"O Santos tem 13 vitorias dentro da Vila com o Dorival Júnior, mas isso é passado, Temos totais condições de ganhar lá. Só não pode ter o apagão que teve aqui no segundo tempo", alertou. Para conseguir a vaga, o time paulistano terá de marcar ao menos três gols na casa do rival e abrindo no mínimo dois gols de diferença. Em caso de 3 a 1, a decisão vai para os pênaltis.

"Temos que fechar o grupo por um objetivo em comum, pensar em jogar futebol, sabemos que é um resultado desfavorável, dois gols de vantagem pra eles, mas temos elenco para reverter o resultado", repetiu o volante, quase tentando convencer a si mesmo de que a virada é realmente possível.

 

Deixe seu comentário