Caso de vídeo íntimo e divergência com Hoffenheim fazem São Paulo reconsiderar zagueiro

Marcelo Baseggio - São Paulo,SP

13-01-2022 15:40:44

O São Paulo está reconsiderando a contratação de Lucas Ribeiro. Depois de dias conversando com o staff do jogador e com o Hoffenheim, a diretoria tricolor agora age com cautela devido a duas questões: o envolvimento do zagueiro em um vídeo íntimo que acabo indo para a Justiça e a discordância com o clube alemão pela opção de compra do atleta.

Lucas Ribeiro é acusado de ter vazado um vídeo íntimo em 2018. Na época, uma menina de 14 anos teria sido filmada durante relação sexual com um amigo do atleta, que supostamente postou as imagens em uma de suas redes sociais.

De acordo com reportagem do UOL, Lucas Ribeiro chegou a pedir desculpas publicamente em suas redes sociais, mas teria apagado a postagem pouco depois. Nada disso, porém, foi suficiente para evitar um processo da família da jovem, já que as imagens rapidamente se espalharam pela internet.

Em 2019, ainda de acordo com a reportagem do UOL, um acordo havia sido encaminhado entre as partes, no entanto, Lucas Ribeiro trocou de advogado, o que acabou não ratificando o acerto. Sua transferência para o futebol alemão também dificultou a conclusão do processo.

Outro motivo que fez a diretoria do São Paulo recuar nas tratativas por Lucas Ribeiro é o desacordo com o Hoffenheim em relação à opção de compra do atleta após período de empréstimo.

Os alemães exigem um valor para que o atleta seja adquirido definitivamente pelo São Paulo ao fim do contrato de empréstimo, mas a diretoria tricolor desejava pagar uma quantia menor, o que gerou um impasse na negociação.

Deixe seu comentário