Santos tem, em média, 85% dos direitos de jogadores da base

Lucas Musetti Perazolli - Santos,SP

07-05-2020 09:00:17

Arthur Gomes e Yuri Alberto ganharam espaço no Santos de Jesualdo (Foto: Ivan Storti/SFC)

O Santos tem, em média, 85% dos direitos econômicos de jogadores formados nas categorias de base do clube. Esse percentual significa, geralmente, a parte do lucro em transferências.

Os números estão disponíveis no balanço financeiro de 2019 publicado no Portal da Transparência do Peixe. O Alvinegro tinha, até a pausa no futebol por conta do novo coronavírus, 15 Meninos da Vila no elenco profissional sob o comando de Jesualdo Ferreira.

Vale destacar a "fatia" maior após renovações recentes, como as de Kaio Jorge, Ivonei , Sandry e Renyer. Veja a lista abaixo, com a parte dos direitos para o Santos e a validade do contrato:

Vladimir: 70% - contrato até 31/12/2020
João Paulo: 70% - contrato até 29/9/2021
John: 70% - contrato até 31/12/2023
Lucas Veríssimo: 80% - contrato até 30/6/2022
Wagner Leonardo: 100% - contrato até 30/6/2021
Alex Nascimento: 70% - contrato até 31/12/2023
Alison Lopes: 70% - contrato até 4/12/2022
Anderson Ceará: 75% - contrato até 30/6/2021
Ivonei: 100% - contrato até 30/9/2021
Sandry: 100% - contrato até 31/7/2022
Kaio Jorge: 100% - contrato até 31/12/2021
Arthur Gomes: 70% - contrato até 30/12/2021
Yuri Alberto: 100% - contrato até 31/7/2020
Renyer: 100% - contrato até 31/12/2022
Tailson: 95% - contrato até 31/7/2024

Deixe seu comentário