Gestão Rueda prevê grande déficit no Santos em 2021 após Rollo sinalizar superávit

Lucas Musetti Perazolli - Santos,SP

09-02-2021 07:00:45

A gestão de Andres Rueda prevê um grande déficit no Santos até o fim de 2021. A previsão é de prejuízo de R$ 78 milhões. A dificuldade financeira foi relatada em reunião virtual do Conselho Deliberativo na última segunda-feira.

Esses R$ 78 milhões são baseados no descompasso entre receita e despesa, sem contar novas vendas. Só se leva em consideração o que é "real". Os R$ 18 mi cobrados pelo Barcelona, por exemplo, não estão incluídos. Ou seja, o buraco pode ser ainda mais fundo.

O curioso é a diferença entre as previsões do ex-presidente Orlando Rollo e de Andres Rueda. O orçamento da gestão passada foi aprovado pelo Conselho em outubro e estimava superávit de R$ 69,5 milhões. Um abismo de R$ 147,5 mi.

Uma demonstração do cálculo fora da realidade de Rollo é a cotação de "receitas extraordinárias". O prognóstico dele foi de R$ 91 milhões em vendas de jogadores. As negociações de Lucas Veríssimo (Benfica-POR) e Diego Pituca (Kashima Antlers-JAP) renderão R$ 37 milhões em 2021. Uma diferença de R$ 54 mi. O Peixe ainda receberá R$ 12 milhões da última parcela por Veríssimo em 2022.

O Santos vive grave crise financeira e busca a todo custo diminuir os gastos mensais. O Conselho Fiscal analisa o último trimestre de 2020 e promete revelar novas irregularidades no clube.

Deixe seu comentário