Depois de Everson, Eduardo Sasha entra na Justiça contra o Santos pedindo rescisão

São Paulo, SP

20-07-2020 10:21:32

Eduardo Sasha entrou na Justiça contra o Santos pedindo a rescisão unilateral de seu contrato. O atacante cobra salários atrasados, falta de recolhimento do FGTS e o pagamento das verbas rescisórias e compensatórias devidas.

O processo trabalhista foi movido no domingo, às 22h09 (de Brasília), na Sexta Vara de Santos, e está em segredo de justiça.


Por meio da empresa que agencia a sua carreira, Sasha justificou a atitude. "Eu sou pai de família, tenho minhas responsabilidades e obrigações e fomos comunicados que teríamos um desconto de 30% em nossos salários, por conta da pandemia, nós jogadores estávamos dispostos a aceitar, porque sabíamos da situação que o mundo estava vivendo, porém faltando 2 dias para o pagamento fomos comunicados que teria um corte de 70% nos salários, não houve nenhuma explicação", afirmou.

"Não há o recolhimento do FGTS faz algum tempo e ja tínhamos 3 meses de imagem atrasados, antes mesmo da pandemia, ninguém da diretoria nos dá nenhuma satisfação. Tenho o maior respeito pelo Santos, aos torcedores, tenho um ótimo ambiente com meus companheiros e todos os funcionários do clube, mas não há como permanecer por total falta de respeito e comprometimento com os profissionais", completou o atleta.

O caso é semelhante ao do goleiro Everson, que também move processo contra pedindo rescisão. Dentro do Peixe também há o entendimento de que os casos tenham relação com um possível interesse do Atlético-MG, comandado pelo técnico Jorge Sampaoli, em ambos os jogadores. O time alvinegro não se pronunciou oficialmente.

Vale lembrar que o Santos adquiriu 100% dos direitos econômicos de Eduardo Sasha neste ano. O atacante chegou em troca com Zeca no Internacional. O valor total da negociação foi de cerca de R$ 12 milhões.


Deixe seu comentário


×
Quer receber notícias do Santos?