Cuca busca melhora em Gabigol, novamente titular do Santos

Correspondente Lucas Musetti Perazolli - Santos , SP
12/08/2018 06:00:40

Em: Escolha do editor, Futebol, Notícias, Santos
Cuca tenta ajudar Gabigol (Ivan Storti/SFC)

Após ficar no banco de reservas para a entrada de Yuri Alberto contra o Ceará, Gabigol voltará a ser titular do Santos contra o Atlético-MG neste domingo, às 11h (de Brasília), no Independência, pela 18ª rodada do Campeonato Brasileiro.

E um dos principais objetivos de Cuca é ajudar o camisa 10 a melhorar. O técnico aposta nele como centroavante, mas sabe que não pode exigir características de um legítimo 9, como fazer o pivô, cabecear bem e levar a melhor fisicamente sobre os adversários.

O treinador pensa em Gabriel como um falso 9, assim como era Gabriel Jesus no Palmeiras sob seu comando: ele tem a liberdade para sair da área, porém, sem deixar de ter a responsabilidade da referência no ataque ao lado dos habilidosos Rodrygo e Bruno Henrique.

“Tem que perguntar para o Gabigol qual posição preferida. Ele é polivalente, centroavante, mas não de costas. Ele pode ser um definidor, mas sem ficar só dentro da área. Temos que achar uma alternativa para ele ser bem utilizado. É muito importante para nós”, disse Cuca, em entrevista coletiva na última sexta-feira.

Quando foi contratado no empréstimo junto a Internazionale-ITA em janeiro, Gabigol afirmou que gostaria de ser utilizado como centroavante. O técnico Jair Ventura endossou o discurso e viu o camisa 10 como um nove. Depois dos altos e baixos, porém, o Menino da Vila mudou o tom e disparou a seguinte frase depois do empate com o Ceará: “Todos sabem que eu não sou centroavante”.

Gabriel foi promovido ao elenco profissional do Santos como um ponta e se destacou nessa função, principalmente sob o comando do técnico Dorival Júnior. Agora, enquanto o Peixe procura por um centroavante no mercado, o atacante tenta corresponder às expectativas. Ele tem 13 gols em 32 partidas na temporada.




×
Quer receber notícias do Santos?