Com quatro jogos em um mês, Santos quer recuperar atletas antes da Libertadores

Do correspondente Vitor Anjos - Santos, SP
12/08/2017 08:00:00

Em: Brasileiro Série A, Futebol, Libertadores, Notícias, Santos

Há quase dois meses no comando do Santos, o técnico Levir Culpi ganhará uma semana livre para treinar a equipe pela primeira vez somente a partir da próxima terça-feira, após o duelo contra o Fluminense, na segunda, às 20h (de Brasília), no Pacaembu, pela 20ª rodada do Campeonato Brasileiro. Depois do embate com o time carioca, os santistas só entrarão em campo novamente no dia 20, um domingo, contra o Coritiba, no Couto Pereira.

Além desse período, o comandante do Peixe outras três semanas livres para melhorar a equipe. Ao todo, serão apenas quatro partidas em um mês antes do confronto decisivo diante do Barcelona de Guayaquil, pelas quartas de final da Libertadores. O jogo de ida com o equatorianos acontecerá em 13 de setembro, às 21h45.

Desde que estreou pelo Alvinegro, contra o Palmeiras, no dia 14 de junho, Levir só comandou dois jogos por semana (Foto: Ivan Storti/ Santos FC)

Antes da viagem para o Equador, o alvinegro terá pela frente o Cruzeiro, no dia 27, no Mineirão, e o Corinthians, no dia 10, na Vila Belmiro. Com vários atletas desgastados por conta da sequência de jogos, Levir quer usar o tempo de ‘descanso’ para melhorar a parte física, além de fazer trabalhos técnicos e táticos no CT Rei Pelé.

“Quando é uma sequência, o nosso foco é ali. Os jogos com mais tempo são bons para descanso e recuperação. A gente vem com jogadores desgastados. Talvez esse período de um jogo para o outro seja bom para recuperação também”, explicou o zagueiro Lucas Veríssimo, atleta mais assíduo do Santos na temporada, com 41 jogos disputados até o momento.

Além do tempo de treinamento, o Santos espera ter todo o elenco à disposição antes do embate com o Barcelona de Guayaquil. Renato e Vecchio se recuperam de lesão muscular na coxa. Nilmar, Matheus Jesus, Gustavo Henrique e Luiz Felipe já treinam no gramado, mas ainda não estão 100% fisicamente.