Braço direito de Arzul, Juninho "assume bronca" no Santos após 20 anos de casa

Lucas Musetti Perazolli - Santos,SP

18-11-2020 06:00:30

O trabalho do preparador de goleiros Arzul é reconhecido com frequência no Santos, mas seu braço direito aparece pouco: Júnior Lázaro, conhecido como Juninho.

O profissional de 47 anos é o braço direito de Arzul e divide a preparação de goleiros. Juninho se inspira no "comandante" e a amizade extrapola o dia a dia do CT Rei Pelé. Eles discutem o planejamento de treinamentos diariamente e sempre chegam com o trabalho definido. A sintonia é perceptível entre um chute e outro.

Goleiro na várzea em Praia Grande, Juninho é formado em Educação Física e está há 20 anos no Santos, desde o futsal. Ele passou por todas as categorias entre sub-11 e sub-20 e tem títulos importantes, como duas Copa São Paulo de Futebol Júnior.

Arzul e Juninho, preparadores de goleiros do Santos (Foto: Ivan Storti/SFC)

Em todo esse tempo, Juninho tem cinco partidas como preparador de goleiros "oficial" do elenco profissional, a primeira delas em 2013 e a última na vitória por 2 a 0 sobre o Internacional no último sábado, na Vila Belmiro, pela 21ª rodada do Campeonato Brasileiro

Arzul está com covid-19, assim como o titular João Paulo. Dessa forma, Juninho assumiu a bronca e preparou John para a "fogueira". E ele foi o eleito o melhor em campo na vitória contra o Inter.

Juninho tem a chance de ter a primeira sequência como preparador de goleiros diante do Athletico, sábado, na Arena da Baixada. Ele está invicto: três vitórias e dois empates.

Veja os jogos do Santos com Juninho como preparador de goleiros:

Goiás 0 x 3 Santos - 2013
Santos 1 x 0 Corinthians - 2016
Santos do Amapá 1 x 1 Santos - 2016
Santos 2 x 2 São Paulo - 2020
Santos 2 x 0 Internacional - 2020

Deixe seu comentário


×
Quer receber notícias do Santos?