Derrota do Palmeiras no Mineirão termina com desentendimento entre Keno e Kuscevic

São Paulo, SP

25-02-2021 23:49:06

Já classificados à fase de grupos da próxima edição da Copa Libertadores, Palmeiras e Atlético-MG se despediram do Campeonato Brasileiro na noite desta quinta-feira. Sem grande apelo, a partida vencida pelo time alvinegro no Mineirão terminou com desentendimento entre o zagueiro Benjamin Kuscevic e o atacante Keno.

Colocado no lugar de Diego Tardelli no intervalo, Keno deu trabalho a Kuscevic pela esquerda do ataque e cruzou para os gols marcados por Jair e Eduardo Sasha. Logo após o apito final, visivelmente inconformado, o atacante do Atlético-MG foi contido pelo árbitro Héber Roberto Lopes.

“Foi um lance ali em que a bola passou entre as pernas dele (Kuscevic). Ele, me xingando. Eu falei: ‘Pô, não posso fazer? Não posso fazer mais minhas jogadas?’” afirmou Keno em entrevista ao Premiere na saída do gramado, evitando maior polêmica com o adversário.


“Me xingou, mas faz parte do jogo. A gente tem que deixar levar. Não foi nada de mais. Faz parte e fico feliz pelo jogo que fiz. Minha equipe também está de parabéns. Foi um final (de Brasileiro) que não esperávamos, mas conseguimos classificar o time para Libertadores”, afirmou Keno.

O meia Lucas Lima também concedeu entrevista na saída do gramado do Estádio do Mineirão. Questionado sobre o desentendimento entre Keno e Kuscevic ao final da partida, o experiente palmeirense procurou minimizar o episódio: “É discussão de jogo”.

Com 58 pontos, o Palmeiras encerra o Campeonato Brasileiro na sétima colocação. Às 16 horas (de Brasília) deste domingo, com seus titulares descansados, o time alviverde entra em campo em Porto Alegre para enfrentar o Grêmio na primeira final da Copa do Brasil.

Mais vídeos em videos.gazetaesportiva.com

Deixe seu comentário


×
Quer receber notícias do Palmeiras?