Não vejo ninguém batendo o recorde de Rooney, afirma Bobby Charlton

São Paulo, SP

21-01-2017 18:09:52

Apesar do empate com o Stoke City, o dia foi especial para um jogador do Manchester United. Wayne Rooney marcou seu gol de número 250, ultrapassou Bobby Charlton (249) e se tornou o jogador com mais gols na história dos Red Devils.

O ex-atacante inglês, 79 anos, se mostrou decepcionado por perder o recorde, contudo ele parabenizou Rooney e também previu que a marca será do jogador de 31 anos por muito tempo.

“Já passaram mais de 40 anos desde que marquei o último gol dos meus 249 pelo Manchester United. Tenho de admitir que já estava habituado a ter a honra de ser o maior artilheiro da história do clube. Tivemos vários atacantes fantásticos em Old Trafford e eles têm marcado muitos gols, mas já era óbvio há algum tempo que seria Wayne Rooney que iria bater o meu recorde”, começou Bobby Charlton.

“Agora chegou esse dia. Estaria mentindo se dissesse que não estou desapontado de perder o recorde. No entanto, posso honestamente dizer que estou também orgulhoso por Wayne. Ele merece um lugar na história. Ele tem sido grande para o clube e país e é justo que ele seja o maior artilheiro do Manchester e da Inglaterra. Tem sido realmente bom ver ele jogar toda semana no Old Trafford desde 2004. Eu tinha 35 anos quando me aposentei, ele tem 31 anos e contribui com gols, assistências e boas exibições. Não vejo ninguém batendo este recorde por muito, muito tempo”.

Leia mais: Estudo aponta Manchester United como o time mais rico do mundo

Quem também elogiou Rooney foi Alex Ferguson, treinador do United entre 1986 e 2013.

“Quero parabenizar Wayne Rooney por ter atingido esta marca. Não é nada fácil marcar tantos gols e bater um recorde que durou mais de 40 anos. Ele merece estar nos livros deste grande clube e estou seguro que ainda irá marcar muitos mais gols”.

Deixe seu comentário