Futebol/ Brasileiro Série A

Emocionado, Dourado diz ter tirado um peso com acesso do Inter

Porto Alegre, RS
14/11/2017 23:33:27

Em: Brasileiro Série B, Futebol, Internacional

O empate sem gols entre Internacional e Oeste, na Arena Barueri, garantiu o retorno do Colorado à Primeira Divisão do Brasileirão. Mesmo com o acesso garantido com duas rodadas de antecedência, o time gaúcho ampliou a saga sem vitórias na temporada. O colorado está há cinco partidas sem vencer, maior sequência da temporada 2017.

O mais emocionado com o retorno do Internacional à Série A era o volante Rodrigo Dourado. O jogador estava presente no plantel que foi rebaixado para Série B em 2016. “Graças a Deus (subiu). Eu, que estava ano passado, sofri bastante. É um peso que sai das minhas costas e do grupo. Eu fiquei no Inter para estar nesse momento e graças a Deus conseguimos o acesso”, contou Dourado, chorando.

Volante é um dos jogadores que defendia o time à época do rebaixamento em 2016 (Foto: Ricardo Duarte/ SCI)

O mais centrado dos jogadores era o goleiro Danilo Fernandes. O arqueiro colorado destacou que em 2018 o Internacional tem que voltar a lutar por conquistas importantes. “A gente está de parabéns. Não mais do que a nossa obrigação. Temos que levantar a cabeça, foi um ano difícil e agora vamos pensar no ano que vem. A equipe tem que voltar muito forte, essa camisa é muito pesada. A gente não tem que chegar em 2018 e apenas cumprir tabela no Campeonato. Temos que brigar por título, estar nas cabeças. Nós representamos um time campeão mundial”, afirmou.

O volante Edenilson confirmou que o time entrou em campo para atuar pelo empate e garantir o acesso. “A classificação era o nosso objetivo principal. Infelizmente nas últimas rodadas a gente deixou a desejar, mas o acesso à Série A era o que a gente está procurando. Se tiver que buscar o título, vamos buscar, mas as rodadas anteriores nos prejudicaram um pouco nisso. Hoje a gente jogou pelo acesso e quase conseguimos os três pontos no final. A nossa equipe merece por tudo que passou”, destacou.

O lateral-direito Cláudio Winck observou que o time ainda quer o título da Série B. “O ano foi muito difícil, a gente sofreu muitas críticas, teve troca de treinadores, teve tudo e a gente conseguiu superar isso aí e alcançar o objetivo principal. Agora, vamos em busca do título”, disse. O Internacional retorna a campo no sábado, às 17h (de Brasília), contra o Goiás, no estádio Serra Dourada, em Goiânia (GO), pela 37ª rodada da Série B.