Gazeta Esportiva

Partida contra o Equador será "mais difícil" para a Holanda, diz Van Gaal

AFP - São Paulo,SP

24/11/22 | 14:10

O técnico Louis van Gaal acredita que o próximo confronto da Holanda na Copa do Mundo, contra o Equador, será "mais difícil" do que a última partida diante de Senegal, que deu a vitória à "Laranja Mecânica" por 2 a 0.

"O Equador é um adversário mais organizado que Senegal, isso vai ser mais difícil. Com a posse de bola, temos que fazer melhor. Eles não marcam muitos gols, mas também não sofrem. É um time estável, forte fisicamente", comentou na coletiva de imprensa nesta quinta-feira, na véspera do jogo, cujo vencedor tem grandes chances de se classificar para as oitavas de final do torneio.


O lateral Denzel Dumfries, que também esteve presente na entrevista, tem opiniões semelhantes às do técnico. "O Equador tem uma ótima equipe. Vimos isso contra o Catar e nas eliminatórias. Eles não têm medo dos duelos. Devemos ser mais efetivos do que contra Senegal", comentou.

Van Gaal, no entanto, não quis comentar se Memphis Depay, que jogou contra a seleção senegalesa após dois meses afastado por uma lesão na coxa, será titular na partida.

"Depay titular? Se eu revelar quem será titular, eles saberão demais. Não sei se o (Enner) Valencia vai jogar ou não e isso faz uma grande diferença. Não só em termos de qualidade, mas também de sistema. O Memphis jogou meia hora (contra Senegal), a próxima etapa será de quarenta e cinco minutos. A lesão que ele tem torna difícil saber quando ele pode retornar. Eu o considero incrivelmente importante, por isso agimos assim", reiterou.

Mais vídeos em videos.gazetaesportiva.com

Deixe seu comentário