Léo Tilica não teve culpa na lesão de Douglas, afirma Marcelo Oliveira

São Paulo, SP

09-02-2017 19:44:57

O Grêmio recebeu a péssima notícia de que o meia Douglas rompeu os ligamentos do joelho e será desfalque por seis meses e o lateral esquerdo Marcelo Oliveira, durante entrevista coletiva, absolveu o jovem Léo Tilica, que se envolveu no lance da lesão.

“O lance foi normal de treino. Se fosse um jogo, seria falta do Douglas. O Tilica deu o tapa antes, o Douglas foi para marcar e a perna dele acabou ficando presa. Ainda não falei com ele (Tilica), mas quando puder vou falar isso para tranquilizá-lo. A gente sabe que ele não teve culpa alguma”, afirmou o jogador de 29 anos.

Leia mais: Douglas agradece aos torcedores após lesão: “Logo estarei de volta”

Durante a conversa com os jornalistas, o atleta polivalente também se colocou à disposição do camisa 10 do Imortal para ajudar no dia a dia.

“Conversei com ele pelo telefone bem rápido depois da notícia. Não falei muito porque em um momento assim o jogador quer ficar mais com a família, aliviando a cabeça. Como amigo, eu fiquei muito triste. Tenho convivido muito com o Douglas, concentro com ele e sei o foco e dedicação que ele está na carreira. Ele vai ter que dar uma parada agora. São seis meses fora. O lado bom é que a gente sabe que ele vai voltar. O ruim é que vai ficar esse tempo fora”, afirmou Marcelo Oliveira. “Quando der, vamos sair para comer, como sempre fizemos. Se precisar que dirija para ele, vou dirigir, pegar a muleta. Aí depois ele paga a conta”, brincou o lateral gremista.

Marcelo Oliveira também elogiou Miller Bolaños, que deve ser o substituto de Douglas. “O Bolaños é um craque também. A gente até comenta aqui. É um jogador que tem muita calma para a finalização, para dar um passe. A característica é diferente, mas nos deixa muito confiante”.

O jogador também falou sobre a ausência de Renato Gaúcho na derrota para o Flamengo na Primeira Liga. “O Renato preparou o time. Como qualquer decisão que ele tome, vai ser melhor para o Grêmio. Ele já deixou muito claro aqui que qualquer jogador, independentemente da idade, vai jogar. Vai sempre quem estiver melhor”.

Deixe seu comentário