Após primeira vitória no Flamengo, Rueda projeta grande futuro

Gazeta Press - Rio de Janeiro, RJ
19/08/2017 22:33:18 — 19/08/2017 23:17:25

Em: Brasileiro Série A, Flamengo, Futebol
Vitória sobre Atlético-GO marca primeiro triunfo de Rueda pelo Flamengo (Foto: Gilvan de Souza/Divulgação)

Em seu segundo jogo como técnico do Flamengo, o colombiano Reinaldo Rueda conquistou sua primeira vitória com o 2 a 0 que a equipe aplicou no Atlético-GO, na noite deste sábado, pelo Campeonato Brasileiro.

Após o empate na estreia contra o Botafogo na última quarta-feira, Rueda demonstrou sua satisfação com o resultado positivo na entrevista coletiva na Ilha do Urubu.

“Feliz pela vitória, fico feliz pela entrega da equipe, o jogo muito bom. Rival difícil, penso que é um triunfo que fortalece. Ganhamos confiança”, avaliou o treinador.

Na partida deste sábado, Rueda teve alguns desfalques por lesão, como Paolo Guerrero, Felipe Vizeu, Everton e Berrío, e ainda decidiu poupar alguns atletas para a decisão da vaga na final da Copa do Brasil contra o Botafogo, na próxima quarta-feira. Com um time alternativo em campo, quem brilhou foi Vinicius Junior, promessa da base já negociada com o Real Madrid.

“Feliz, satisfeito com o comportamento dele. Penso que tem um grande potencial e vai seguir crescendo. Muito positivo para o time. Fez dois gols, ganhou confiança, e eu creio que há um futuro grande para ele, Flamengo e o futebol brasileiro,” elogiou Rueda.

O técnico do Flamengo, porém, ganhou mais um problema para o duelo decisivo, já que o lateral Renê, que entrou no segundo tempo no lugar do improvisado Rafael Vaz, deixou o campo com um entorse no tornozelo e preocupa.

“Creio que temos que recuperar o grupo para apresentar o time em alto nível,” disse Rueda sobre o próximo compromisso da equipe.

Vinicius Junior lembra racismo – Na primeira partida das semifinais da Copa do Brasil, no Engenhão, a família de Vinicius Junior foi vítima de ofensas racistas. Na saída do gramado neste sábado, a joia rubro-negra, que fez um sinal de coração para seus parentes ao marcar o primeiro gol, lembrou o ocorrido

“O coração e a alma foram para a família e a torcida do Flamengo. A minha famÍlia que está ali estava também no jogo passado. É muito triste ter isso no Brasil ainda. É continuar a meter gol e ajudar o Flamengo,” disse o jogador ao Sportv.