Fagner brinca com fama ao falar do lance que machucou Adson: "Graças a Deus, não fui eu"

Tiago Salazar - São Paulo,SP

17-09-2021 15:16:52

Fagner é sempre muito elogiado pela sua qualidade técnica, mas também carrega a fama de ser um jogador de entradas firmes na marcação. Há quem entenda que o lateral do Corinthians passa do ponto em algumas oportunidades, e inúmeras vezes esse estilo de Fagner acalorou debates, tanto entre torcedores como entre jornalistas.

Nesta terça-feira, o jogador foi questionado sobre a entrada que Thiago Heleno deu em Adson, dia 22 de agosto, no confronto com o Athletico-PR.

Na ocasião, o atacante do Timão saiu de campo com a canela rasgada, e até hoje não conseguiu voltar a jogar devido a uma lesão que refletiu no joelho. Thiago Heleno recebeu cartão vermelho após aconselhamento do VAR.

Você já pensou se fosse Fagner o autor daquela falta? Aos risos, ele mesmo respondeu sobre esse cenário hipotético.

Adson postou uma foto da canela machucada ainda no vestiário da Arena da Baixada (Foto: reprodução)

"Ainda bem que estou bem tranquilinho. Em 20 jogos... em 19, porque eu fiquei um de fora, só um cartão amarelo, 20 faltas só no campeonato, então, graças a Deus, não fui eu", comentou, segurando a risada.

Na sequência, Fagner falou sério, e se mostrou solidário ao companheiro de equipe, que ainda luta para ser reintegrado ao grupo alvinegro.

"Eles têm de ter cabeça boa, continuar trabalhando, o existe espaço é dado e existe espaço pra todo mundo. É obvio, né, um menino que vinha jogando, tenho chances na equipe principal e de titular, fazendo bons jogos, fazendo gols, claro que a pessoa fica triste de se lesionar, mas acredito que o mais importante é estar com a cabeça boa, se recuperar bem, justamente para quando voltar, voltar do jeito que estava ou até melhor, para ajudar a nossa equipe".

Aos 20 anos, Adson teve interrompida uma série inédita de cinco jogos seguidos como titular de Sylvinho. No período, ele participou diretamente de cinco gols do Corinthians.


Deixe seu comentário