Futebol/Sul-Americana

Chapecoense e Flamengo ficam no empate em primeiro jogo das oitavas

Gazeta Press - Rio de Janeiro, RJ
13/09/2017 21:19:56

Em: Campeonato Copa Sul-Americana, Chapecoense, Flamengo, Futebol

Na partida de ida pelas oitavas de final da Copa Sul-Americana, Chapecoense e Flamengo empataram sem gols, nesta quarta-feira, na Arena Condá. Com o resultado, a definição do confronto vai para a próxima semana, na Ilha do Urubu. Quem vencer avança na competição. Um empate com gols classifica os catarinenses.

No primeiro tempo, o Flamengo foi um pouco superior, mas não conseguiu levar muito perigo ao gol de Jandrei. Na etapa final, a Chapecoense melhorou e dominou o duelo. Os donos da casa tiveram duas boas chances de sair de campo com a vitória, mas viu Reinaldo e Penilla errarem o alvo.

Fla e Chape ficaram no 0 a 0 (Foto: Gilvan de Souza/Flamengo)

O jogo – A partida começou movimentada, com as duas equipes voltadas ao ataque. No entanto, o Flamengo era mais organizado e teve a primeira chance de marcar, aos dez minutos. Após cobrança de escanteio, a bola chegou em Guerrero. O atacante dominou e chutou em cima do volante Moisés Ribeiro.

O Flamengo teve nova chance aos 16 minutos. Guerrero arriscou de fora da área e assustou Jandrei. A resposta da Chapecoense veio em seguida, em chute de longe de Reinaldo.

Com o tempo, os rubro-negros passaram a dominar o confronto. No entanto, os visitantes tinham dificuldade em criar boas jogadas. A Chapecoense só conseguiu levar perigo nos minutos finais. Aos 41 minutos, em avanço rápido, a bola chegou em Alan Ruschel. O meia chutou para boa defesa de Diego Alves. Assim, o jogo foi para o intervalo com o placar inalterado na Arena Condá. No segundo tempo, a Chapecoense voltou melhor e assustou logo aos três minutos. Após cobrança de falta de Reinaldo na área, a bola passou por todos os jogadores e quase foi para a rede. A resposta dos cariocas vieram dois minutos depois. Após cobrança de escanteio, Juan cabeceou para boa defesa de Jandrei.

Rueda comandou o Fla no empate (Foto: Gilvan de Souza/Flamengo)

Após um período de equilíbrio, os visitantes quase abriram o placar aos 14 minutos. Após cobrança falta na área, Réver cabeceou sozinho, mas Jandrei fez grande defesa para salvar os catarinenses. A partida seguia em ritmo morno, com as duas equipes mais preocupadas em não sofrer o gol. Só que aos 29 minutos, a Chapecoense teve a melhor chance do jogo. Penilla chutou de longe, Diego Alves deu rebote, que ficou para Reinaldo. O lateral esquerdo finalizou sozinho, mas muito mal.

O lance animou os donos da casa, que passaram a dominar a partida. A Chapecoense voltou a chegar com perigo aos 39 minutos. Canteros tocou para Luiz Antônio, que chutou cruzado para boa defesa de Diego Alves. O destalho da jogada é que os dois atletas estão no clube catarinense, mas foram emprestados pelo Flamengo.

Nos minutos finais, os catarinense seguiram melhores em campo quase marcaram aos 41 minutos. Penilla fez boa jogada individual, entrou na área e chutou cruzado. A bola passou muito próximo da trave rubro-negra. O susto fez o Flamengo recuar e priorizar a manutenção do empate. A Chapecoense não conseguiu mais criar boas chances e teve que se contentar com a igualdade na Arena Condá.

FICHA TÉCNICA
CHAPECOENSE 0 X 0 FLAMENGO

Local: Arena Condá, em Chapecó (SC)
Data: 13 de setembro de 2017 (Quarta-feira)
Horário: 19h15(de Brasília)
Árbitro: Gery Vargas (Bolívia)
Assistentes: Juan Montaño (Bolívia) e Jose Antelo (Bolívia)
Renda: 9.702 presentes
Público: R$ 279.770,00
Cartões amarelos: Reinaldo e Fabrício Bruno (Chapecoense); Guerrero, Cuéllar, Éverton Ribeiro e Réver (Flamengo)

CHAPECOENSE: Jandrei; Apodi, Douglas Grolli, Fabrício Bruno e Reinaldo; Moisés Ribeiro (Lucas Marques), Lucas Mineiros e Alan Ruschel (Luiz Antônio) e Canteros; Wellington Paulista e Túlio de Melo (Cristian Penilla)
Técnico: Emerson Cris

FLAMENGO: Diego Alves; Rodinei, Réver, Juan e Pará; Gustavo Cuéllar, Willian Arão, Diego (Éverton Ribeiro) e Everton (Vinícius Júnior); Orlando Berrío (Lucas Paquetá) e Paolo Guerrero
Técnico: Reinaldo Rueda