Patrocinadora da Seleção poupa Neymar de campanha publicitária

Helder Júnior* - Rio de Janeiro , RJ
13/04/2018 17:24:29

Em: Brasil, Copa do Mundo, Futebol

Uma das patrocinadoras da Seleção Brasileira, a GOL Linhas Aéreas contratou o atacante Neymar para estrelar a sua campanha publicitária para a Copa do Mundo da Rússia e, de certa forma, abriu mão do garoto-propaganda. A ideia da empresa é propagar que valoriza o tempo dos seus clientes – assim como o de Neymar, poupado dos comerciais para que se dedique à recuperação de uma fratura no quinto metatarso do pé direito.

A campanha da companhia aérea começará a ser veiculada no domingo e foi lançada nesta sexta-feira, na sede da Confederação Brasileira de Futebol (CBF), no Rio de Janeiro. Enquanto Neymar descansava, o seu sósia oficial, Gabriel Lucas, entrou em cena ao lado da mascote Canarinho para participar do evento.

Foi Gabriel também o escalado para representar Neymar em dois comerciais televisivos, gravados em um aeroporto uruguaio. Em um deles, o ator chama a atenção por sua habilidade com a bola e só tem a real identidade revelada no final, já dentro do avião. No outro, ele falha ao tentar se passar pelo astro do Paris Saint-Germain em um check-in via reconhecimento facial.

“Sou considerado pelo próprio Neymar o sósia que mais se parece com ele. Tudo o que faço sempre é aprovado por ele”, orgulhou-se Gabriel, que penou nas gravações em que o ídolo não estava presente. “Foi quase uma semana de trabalho. Foi cansativo, mas valeu a pena. Ficou show de bola”, propagandeou, com uma risada idêntica à do atacante.

Corintiano, Gabriel tem 21 anos (Neymar, 26) e viu que poderia fazer da semelhança com o atleta a sua profissão quando ainda era um adolescente. “Foi do nada, há seis anos. Desci para a Baixada com a minha tia e fomos ao treino do Santos. O Neymar tinha aprontado, porque estava suspenso naquele dia. Aí, o pessoal já ficou me olhando, e a imprensa veio toda em cima de mim. Hoje, faço até festa de aniversário como Neymar”, contou.

O dublê, no entanto, não é o único trunfo da campanha criada pela agência AlmapBBDO. Há outros substitutos de Neymar nos vídeos apresentados à patrocinadora da Seleção Brasileira – um bebê, por exemplo, homônimo do jogador. “Eu estava em dúvida entre Neymar e Enzo”, brinca a mãe da criança no vídeo. Chamado de “parça” do atacante, o amigo Gil Cebola também entrou em cena. Assim como o meia Alan, do Palmeiras e das categorias de base da Seleção Brasileira, apresentado como um futuro Neymar.

*O repórter viajou a convite da GOL.