Gazeta Esportiva

Jornal revela briga no vestiário da Bélgica após derrota; Hazard e Courtois negam

São Paulo, SP

29/11/22 | 11:40

O atacante Eden Hazard e o goleiro Thibaut Courtois concederam entrevista coletiva na manhã desta terça-feira, em meio à crise que cerca a seleção da Bélgica. O time corre sérios riscos de não classificar-se à fase de mata-mata da Copa do Mundo após a derrota de 2 a 0 para Marrocos, no domingo.

Nenhum dos dois jogadores havia sido anunciado na conferência belga. No entanto, após rumores sobre um suposto clima ruim nos bastidores da delegação, resolveram esclarecer a situação.

Nesta segunda, o jornal francês L'Equipe revelou que o zagueiro Vertonghen teve uma forte discussão no vestiário com Hazard e De Bruyne. Foi necessário até que Lukaku apartasse a briga. No entanto, Hazard foi aos microfones para negar o caso.

"Não houve muita coisa depois do jogo contra Marrocos. Foi dito muita bobagem. Tivemos um bom encontro ontem com todos os jogadores. O mais importante é se preparar bem para vencer o próximo jogo. Estamos todos unidos no grupo, como sempre. Estamos passando por um momento mais complicado do que o normal, mas estamos prontos para nos esforçarmos um pelo outro", disse o jogador.

"Não houve discussões com Jan (Vertonghen) no vestiário após o jogo. Apenas o treinador falou. Sempre me dei bem com ele, não brigamos. Não sou estúpido. Ele é mais alto do que eu (risos)", completou.


Courtois também falou sobre o tema e negou qualquer discussão no vestiário após o revés para Marrocos. Ele e Hazard, dois expoentes da geração belga, comentaram o momento de pressão vivido pela equipe.

"Eu fui o primeiro a entrar no vestiário e nada aconteceu. Todo mundo ficou decepcionado com a derrota. O técnico falou um pouco, e foi só isso. Hhá muitas mentiras nas mídias sociais hoje em dia. Essa situação não existiu. Como um grupo, nós deixamos isso do lado de fora. O problema é que tomamos como verdade tudo o que sai na imprensa", declarou o goleiro.

"Este é um dos momentos mais complicados da minha vida na seleção. Estou aqui há 14 anos. As pessoas esperam muito de nós e temos de mostrar que a Bélgica é uma grande equipe. Cabe a nós estarmos todos juntos, não importa o que seja dito na imprensa. O que aconteceu no domingo é incompreensível", finalizou Hazard.

Na última rodada da fase de grupos, a Bélgica irá enfrentar a Croácia buscando evitar a eliminação precoce no Mundial. O jogo acontece nesta quinta-feira, ao meio-dia (de Brasília), no estádio Ahmed bin Ali. Uma vitória é suficiente para garantir a classificação.

Deixe seu comentário