Futebol/Mercado

Galo envia documento para obter direitos econômicos de Bruno Silva

São Paulo , SP
07/01/2020 13:13:23 — 07/01/2020 13:18:30

Em: Atlético-MG, Chapecoense, Futebol, Mercado da bola, Notícias

O Atlético-MG enviou um documento a Chapecoense para obter 15% dos direitos econômicos do atacante Bruno Silva, segundo informações do SuperEsportes. O Galo tem até o próximo dia 10 para efetuar o pagamento.

(Foto: Divulgação/Chapecoense)

O jovem de 19 anos, que já estava emprestado ao clube mineiro desde o meio da temporada passada, encheu os olhos do diretor de futebol atleticano Rui Costa, ao fazer dois gols em dez jogos pela equipe sub-20. Já pela Chape, o atleta chegou a disputar 54 jogos pelo profissional e também balançou as redes duas vezes.

“O Bruno está fora do padrão normal, já jogou Libertadores, disputou competições importantes. A média de gasto (para comprar jogadores da base) vai ser de R$ 150 mil, R$ 200 mil, R$ 300 mil. A exceção é quando você traz um jogador fora de série, como acho que é o Bruno”, afirmou Rui Costa, em entrevista a Superesportes em junho de 2019 – época em que o empréstimo foi estabelecido.

Por 50% dos direitos econômicos, o clube alvinegro terá de pagar R$ 2,5 milhões.