Elias fala em falta de respeito da diretoria, mas ressalta comprometimento

Do correspondente Marcellus Madureira - Belo Horizonte,MG

28-01-2019 15:28:07

O volante Elias viveu nos últimos dias mais um episódio de desentendimento com um clube que trabalha. Desta vez com o Atlético, o jogador tentou marcar reuniões para renovação de contrato, mas não conseguiu seu objetivo e lamenta a postura da diretoria atleticana.

“Estou feliz. Só acompanhar o treinamento, sabe o quanto eu brinco e sou respeitado. O quanto eu respeito os companheiros. Estou triste como fui tratado e toda a situação. O clube tem todo direito de oferecer o jogador e não querer renovar. O clube tem o direito e a gente tem que respeitar, mas por eu ser um líder e um profissional sem correto, por ter ficado na reserva sem reclamar ou feito biquinho, acho que tinha que ter tido um pouco mais de respeito. Pela história que tenho no futebol. Sempre estou ajudando a equipe e queria um pouco de respeito. O clube tem o direito de fazer o que quiser com o jogador, desde que seja tratado com a verdade, olho no olho. Isso resolve com palavras”, destacou o jogador.

Elias reclama ainda que o Atlético o faz esperar, mesmo sabendo que em breve, na metade da temporada, o atleta estará liberado para assinar um pré-contrato. O volante reclama também da forma como tudo aconteceu.

“O clube tem o direito de oferecer jogador, de não querer renovar ou querer esperar, que agora é hora de esperar, mesmo com um ano de contrato. Eu entendo, mas poderia ser feito de outra forma. O clube me ofereceu para o Inter e outros clubes, e deu autorização para que eu pudesse negociar. Acertei com o Inter, criei uma expectativa e depois o presidente achou melhor não fechar o negócio e inviabilizou. É um direito que ele tem, mas que seja feito com clareza e respeito ao atleta, que é bastante comprometido com a equipe. Poderia ter conversado comigo, falar que ofereceu, mas agora é outra situação. Eu gosto das coisas claras. Eu sou muito sincero naquilo que eu penso e vou continuar sendo, porque esse é o meu caráter”, salientou.

Elias ressalta, no entanto, que está focado no Atlético e em ajudar o clube durante a temporada 2019.

“O atleta precisa estar bem na parte tática, técnica, física e na parte mental. Eu venho me preparando muito bem, desde quando classificamos a equipe para a Libertadores. Venho me preparando, fazendo trabalhos à parte em busca de um objetivo, que é classificar o Atlético-MG para a fase de grupos. Contei com a ajuda dos meus companheiros e da comissão para me dar tranquilidade e para continuar trabalhando da melhor maneira. Para esquecer os problemas e deixar para as pessoas capacitadas para isso, que são meu pai e meus agentes, para resolver da melhor maneira junto com o Atlético”, finalizou.

Deixe seu comentário