De olho na Libertadores, Aguirre afirma: “Derrota no momento certo”

Do correspondente Gustavo Aleixo - Belo Horizonte,MG

28-01-2016 00:46:57

Existe momento certo para perder? Para Diego Aguirre, sim. De olho na estreia do Atlético-MG pela Libertadores, contra o Melgar, no dia 17 de fevereiro, o treinador atleticano afirmou que a derrota por 2 a 0, desta quarta-feira, para o Flamengo aconteceu numa hora oportuna para o clube mineiro.

De acordo com o comandante uruguaio, o Atlético-MG foi ineficaz nas finalizações e se descontrolou após o gol do Flamengo, que se mostrou preciso na marcação da equipe atleticana. Para Aguirre, a derrota e os erros cometidos pelo time alvinegro, nesta quarta, servem como aprendizado, tendo em vista a proximidade da estreia do Galo na Libertadores.

“No primeiro tempo, fizemos um bom jogo. Tivemos situações para marcar, não aproveitamos. Despois fomos surpreendidos pelo Flamengo, que fez um bom jogo, que defendeu muito bem com todos os homens atrás da linha da bola, e aproveitou as situações de gol. Com o gol do Flamengo, acho que ficamos nervosos, perdemos muitas bolas e o time não foi bem neste momento”, analisou.

“Às vezes as derrotas vêm no momento certo. Estamos perto de muitas coisas importantes e nós temos que aprender que, no futebol, tem que trabalhar muito, dar tudo em todos os jogos para conseguir algumas coisas. Temos que aprender com esta derrota, ninguém gosta de perder, mas talvez seja bom que aconteça agora”, completou.

Ponderado em suas colocações, Diego Aguirre concordou que a derrota para o Flamengo foi importante para frear a empolgação gerada com as duas vitórias sobre Schalke e Corinthians, pela Flórida Cup. Segundo o treinador, derrotas, como a desta quarta-feira, mostram ao elenco atleticano que as vitórias são conquistadas em campo.

Para Aguirre, derrota desta quarta deve ser tomada como aprendizado (Bruno Cantini/CAM)
Para Aguirre, derrota desta quarta deve ser tomada como aprendizado (Bruno Cantini/CAM)

“Não vamos acreditar que somos tão bons e tão fenomenais, pelo que fizemos na semana passada, nem tão ruins pelo que fizemos agora. Estamos no caminho de preparação para o nosso grande objetivo que começa daqui a 15 dias. Temos que olhar para esta derrota, temos que aprender, trabalhar muito, porque imagina se isto tivesse acontecido no primeiro jogo da Libertadores? Ia ser um desastre”, colocou.

“Nós sempre vamos buscar a vitória e às vezes este tipo de derrota nos faz pensar e focalizar que não é assim, que o Atlético vai ganhar de todos, que o Atlético é o melhor time. Não. Temos que demostrar em campo, jogo a jogo”, concluiu,

Ainda em preparação para a estreia na Libertadores, o Galo passará por mais um importante teste no próximo domingo, contra o Uberlândia, às 19h30 (de Brasília), no Parque do Sabiá, naquela que será a primeira partida do Atlético-MG no Campeonato Mineiro deste ano.

Deixe seu comentário