Com gol de ex-flamenguista, Atlético perde para a Tombense

Do correspondente Marcellus Madureira - Belo Horizonte , MG
23/01/2019 21:14:57

Em: Atlético-MG, Bastidores, Campeonato Mineiro, Campeonatos
Atlético perdeu para a Tombense (Foto: Bruno Cantini / Atlético)

O técnico Levir Culpi entrou em campo com sua equipe, na noite desta quarta-feira, contra a Tombense, pelo Campeonato Mineiro, com um grupo bastante alternativo. Não foi nem a equipe reserva, foram os reservas dos reservas. E o resultado não foi positivo para a equipe alvinegra, com derrota de 1 a 0.

A Tombense aproveitou a falta de entrosamento do Galo para buscar o resultado. O tento da equipe do interior foi marcado por Juan, ex-lateral do Flamengo, atualmente como meia do Tombense, no segundo tempo do jogo, após uma etapa inicial fraca tecnicamente.

O resultado deixou o Atlético na terceira colocação, com três pontos anotados. A Tombense está na segunda colocação, com quatro tentos somados.

O Atlético agora concentra suas atenções no clássico contra o Cruzeiro, no domingo, às 11h (de Brasília), no Mineirão. O clássico no fim de semana foi o motivo pelo qual Levir Culpi colocou seu grupo reserva. A Tombense vai até Patos de Minas, enfrentar a URT, no Zama Maciel, no domingo, às 17h.

Primeiro tempo

O Atlético, com sua formação completamente alternativa não conseguiu grandes coisas. Os primeiros minutos foram bastante sonolentos, sem oportunidades. Na formação atleticana, o meia Nathan, emprestado do Chelsea ao Galo, ficou encarregado de assumir a armação de jogadas do clube de Belo Horizonte.

A Tombense, todavia, conseguia uma boa postura defensiva e isso já era suficiente para parar o ataque alvinegro. Daniel Penha, Leandrinho, Bruninho e Alerrandro, os dois últimos disputaram a Copa São Paulo com o a camisa preto e branca,

Por outro lado, tinha dificuldades para atacar. O zagueiro Matheus Mancini fazia boa participação na defesa e evitava várias ações de ataque. O companheiro dele, Martín Rea, fazia uma discreta estreia cinco meses após chegar ao Atlético.

Com este cenário, as equipes fizeram um primeiro tempo ruim, sem qualidade, com poucas chances claras de gol.

Segundo tempo

Na volta para a etapa complementar, a Tombense não demorou para conseguir o gol inicial. Em vacilo da defesa atleticana, Denilson conseguiu o chute, aos 4 minutos, e, no rebote do goleiro Cleiton, Juan, ex-Flamengo, mandou para o fundo das redes.

O Atlético se mandou para o ataque. Em busca do empate, no entanto, não tinha qualidade suficiente para conseguir igualar a contagem, tinha sérias dificuldades no setor de criação e alguma desorganização em campo.

Não conseguiu nada de positivo e deixou o campo com derrota.

URT e Caldense

No Zama Maciel, URT e Caldense ficaram no empate, por 1 a 1.

FICHA TÉCNICA
TOMBENSE 1 X 0 ATLÉTICO-MG

Local: Tombos, Minas Gerais
Data: 23 de janeiro de 2019 (Quarta)
Horário: 19h15 (horário de Brasília)
Árbitro: Emerson de Almeida Ferreira
Assistentes: Augusto Magno de Ramos e Breno Rodrigues

Gols: Juan, aos 4 minutos do segundo tempo (Tombense)
Cartões: Bruninho, Hélio Júnior (Atlético);

ATLÉTICO – Cleiton (Michael); Carlos Cesar, Martín Rea, Matheus Mancini e Hulk; Bruninho (Hélio Júnior) e Neto; Leandrinho, Nathan (Igor Reis) e Daniel Penha; Alerrandro (Felipe Souza).
Técnico: Levir Culpi.

TOMBENSE – Felipe Garcia, David, Lincoln Silva, Juan (Trindade), Bruninho, Rodrigo, Lucas Sá (Marquinhos), Edson (Abner), Cássio Ortega, Juan, Denilson.
Técnico: Ricardo Drubscky