Futebol/Campeonato Brasileiro Série A

Atlético-MG empata com a Ponte e segue sem vencer no Brasileirão

São Paulo, SP
28/05/2017 12:56:23 — 28/05/2017 19:06:09

Em: Atlético-MG, Brasileiro Série A, Futebol, Notícias, Ponte Preta

Ainda sem vencer no Campeonato Brasileiro, o Atlético-MG recebeu a Ponte Preta no Independência e ficou no empate por 2 a 2 com o clube paulista. Depois de sair na frente no primeiro tempo, os mineiros viram Lucca resolver em poucos minutos e virar para a Macaca. Rafael Moura salvou a equipe com o gol de empate.

Após um primeiro tempo omisso e sem muita criação, Gilson Kleina fez a Macaca voltar melhor do intervalo e conseguiu buscar o resultado. Precisando da vitória, Roger Machado realizou mudanças ofensivas e conseguiu o empate, mas ficou nisso. O time mineiro saiu vaiado de seu estádio.

Com os dois tentos marcador neste domingo, Lucca chegou a 11 gols na temporada e ultrapassou William Pottker (agora no Internacional) como maior artilheiro da Ponte na temporada. Robinho, que marcou o primeiro do Galo, chegou a sete tentos e é o segundo goleador da equipe em 2017, atrás de Fred.

Empate não foi bom para o Atlético (Foto: Bruno Cantini/Atlético)

Garantindo um resultado importante fora de casa, contra um adversário complicado, a Ponte chegou a quatro gols e subiu para a sétima posição provisória do Brasileirão. Com dois empates e uma derrota na competição, o Galo agora é o 15º e pode terminar a rodada na zona de rebaixamento.

O Jogo – Aos oito, a primeira grande chance do Atlético. Cazáres cobrou falta na intermediária com categoria e Fred adiantou os marcadores para tocar de cabeça. Muito atento, Aranha fez uma grande defesa e impediu que os mandantes abrissem o placar.

Em jogada do ataque adversário, veio o primeiro gol do Atlético. Após a defesa desviar um escanteio, Cazáres partiu pelo meio e lançou Marcos Rocha em profundidade. O lateral, com apenas um toque na bola, colocou para Robinho na frente bater, também de primeira, no canto direito de Aranha. 1 a 0 Galo.

Logo nos primeiros dois minutos do segundo tempo, o Galo conseguiu duas boas chances, com Cazares batendo colocado e Robinho no rebote. Aranha foi bem e defendeu os dois arremates.

Mas foi a Ponte que se deu melhor. Em dois contra-ataques, o time visitante conseguiu dois gols e virou a partida. No primeiro, Lins tocou em profundidade para Wendel cruzar e Lucca balançar as redes.

Na sequência, aos quatro minutos, nova jogada de Lins, que tabelou com Léo Artur e mandou para o meio da área. Inteiro na jogada, o ex-Corinthians chutou firme, por baixo de Victor, e anotou mais um. Foi o 11º gol do atacante em 2017, ultrapassando William Pottker para se tornar o artilheiro da Ponte na temporada.

Confiante na partida, aos 10 minutos Lucca cobrou com muita categoria, no canto esquerdo de Victor. O arqueiro do Galo se esticou e conseguiu fazer uma bela defesa com a mão esquerda.

Dois minutos mais tarde, Marcos Rocha teve uma grande chance de empatar. Após cruzamento, Fred escorou e caiu e a bola sobrou para o lateral, que dominou dentro da área, mas chutou para fora de frente para o gol.

Quando exigido, Aranha continuou correspondendo. Aos 14, Maicosuel tabelou com Fred e disparou um chute forte, mas o goleiro da Macaca foi melhor e defendeu com segurança.

Aos 34, o empate do Atlético. Em cobrança de escanteio pela direita, Rafael Moura subiu mais alto que os demais e cabeceou para o fundo das redes.

Já com o relógio cravado nos 45, Claudinho avançou sozinho na defesa do Atlético e saiu cara a cara com Victor. Na pequena área, o jogador tinha a opção de tocar para trás, mas tentou o arremate e o arqueiro do Galo foi muito bem, defendendo com o rosto e impedindo uma tragédia no Horto.

FICHA TÉCNICA
ATLÉTICO-MG 2 X 2 PONTE PRETA

Local: Estádio Independência, Belo Horizonte (MG)
Data: 28 de maio, domingo
Horário: 11h (de Brasília)
Árbitro: Wagner do Nascimento Magalhães (RJ)
Assistentes: Rodrigo Henrique Correa e Thiago Henrique Neto Correa Farinha (RJ)
Público: 19.553 torcedores
Renda: R$ 485.735,00
Cartões Amarelos: Fábio Santos e Otero (Atlético-MG); Nino Paraíba e Kadu (Ponte Preta)
GOLS
ATLÉTICO-MG: Robinho, aos 35 do 1º tempo; Rafael Moura, aos 34 do 2º tempo
PONTE PRETA: Lucca, aos 2 e aos 4 do 2º tempo

ATLÉTICO-MG: Victor; Marcos Rocha, Gabriel, Felipe Santana, Fábio Santos; Adilson (Maicosuel), Rafael Carioca, Elias e Cazares (Rafael Moura); Robinho (Otero) e Fred.
Técnico: Roger Machado.

PONTE PRETA: Aranha, Nino Paraíba, Marllon, Kadu e João Lucas; Naldo, Elton, Wendel (Rodrigo) e Ravanelli (Léo Artur); Lucca e Lins (Claudinho).
Técnico: Gilson Kleina