América derrota Cruzeiro e vai à final do Campeonato Mineiro

São Paulo, SP

09-05-2021 17:57:55

Tendo iniciado a partida já com uma vantagem de 2 a 1 no placar agregado, o América-MG bateu o Cruzeiro por 3 a 1 e garantiu a vaga na decisão do Campeonato Mineiro. Depois de Rodolfo José, de pênalti, marcar dois gols, Ramon fechou a conta para o Coelho. Matheus Barbosa diminuiu no Independência.

Agora, os comandados de Lisca, que acompanhou a partida deste domingo dos camarotes por conta de uma suspensão, terão que derrotar o Atlético para conquistar o 17º título da competição estadual. As datas dos duelos que vão coroar o campeão ainda não foram definidas.


O Jogo

Com menos de cinco minutos da primeira etapa, Alê chegou com perigo. O meia aproveitou passe errado de Cáceres e exigiu boa defesa de Fábio. Diferentemente do primeiro confronto, foi a equipe do Coelho que pressionava a saída de bola e, dessa maneira, dificultava a execução do plano de jogo do adversário.

Após boa tentativa do Cruzeiro, Juninho carimbou a trave da Raposa. Bruno Nazário escapou pela ponta e serviu o volante, que cabeceou firme, mas sem endereço. Os donos da casa seguiram pressionando e, novamente, Fábio impediu que o placar fosse inaugurado. Cara a cara, Nazário chutou em cima do goleiro.

Já nos acréscimos, Bruno José cometeu pênalti em Bauermann. Rodolfo José foi para a cobrança, deslocou Fábio e garantiu a vitória parcial na primeira etapa.

Na volta do vestiário, o Cruzeiro chegou com Cáceres, que chutou colocado, mas parou na boa defesa de Matheus Cavichioli. Aos 17 do segundo tempo, a Raposa chegou com Rafael Sobis e deixou tudo igual. Matheus Barbosa aproveitou a assistência para dar uma sobrevida aos visitantes.

O América insistiu e, finalmente, desempatou. Faltando menos de 15 minutos para o apito final, o VAR recomendou a revisão de um lance dentro da grande área. Foram quase três minutos, mas o árbitro marcou pênalti. Rodolfo José cobrou do outro lado e desempatou.

O Cruzeiro tentou buscar a virada no Independência, mas esbarrou na falta de criatividade e boa atuação da defesa do América. Em um contra-ataque mortal, Ramon foi à rede e sacramentou a vitória e, por consequência, a vaga para a decisão do Campeonato Mineiro 

Deixe seu comentário